Mundial ao vivo

Por: Redação -
10/04/2015

Os veleiros da classe Soto 40, os mais modernos barcos one design da vela oceânica, já estão na praia de Jurerê, em Florianópolis (SC), para o Mitsubishi Motors S40 World Championship. A competição, que será realizada entre 12 e 16 de abril, poderá ser acompanhada em tempo real, em qualquer lugar do mundo, através do site: mitsubishis40wc.com.br

Durante as provas, cada barco será equipado com um localizador padronizado, que enviará informações sobre a velocidade, localização, distância percorrida e possíveis penalidades acumuladas, além de saber simultaneamente a tática escolhida por cada uma das tripulações para conquistar a vitória. Um ingrediente a mais para acompanhar disputas entre tripulantes de diversos países que, juntos, somam 15 medalhas olímpicas e mais de 20 títulos mundiais.

“Para quem assiste a competições de vela da praia, às vezes fica um pouco difícil entender quem está em vantagem. Com essa tecnologia de gps, podemos mostrar exatamente onde está cada um dos barcos, para qual deles as condições de vento são favoráveis e quem escolheu a melhor tática para a regata. Tudo isso com alcance mundial, a um clique de distância”, explica Lucas Ezequiel Vescio, secretário oficial da classe Soto 40.

“Teremos tripulações de todo o mundo disputando regatas com barcos rigorosamente iguais. Em competições como essa, cada detalhe é importante e pode definir o vencedor”, explica Samuel Albrecht, velejador olímpico bicampeão da Semana de Vela de Ilhabela e tricampeão brasileiro de oceano, que competirá no Crioula 29, do clube Veleiros do Sul.

O Mitsubishi Motors Soto 40 World Championship é uma das principais competições da categoria ao redor do mundo, reunindo tripulações de renome para disputas bastante acirradas a bordo do moderno veleiro Soto 40.

Com o conceito de one design, no qual todos os veleiros são idênticos quanto ao tamanho, peso e área das velas, a competição tem como objetivo destacar a capacidade e o talento de cada uma das equipes na hora de definir o vencedor.

Na primeira edição do Soto 40 World Championship, realizada no Chile em 2013, o veleiro Pisco Sour foi o campeão. No ano passado, em Valência, na Espanha, quem levantou o troféu foi o veleiro inglês Ngoni.

As tripulações participarão de 10 regatas em barla sota e a equipe que conseguir manter a menor pontuação no acumulado geral será a vencedora. Uma característica marcante da competição é a ausência de descartes, que exige atenção dos participantes na hora de traçar suas estratégias e torna a regata ainda mais imprevisível. No final do campeonato, os três veleiros com melhor desempenho serão premiados.

Foto: Mathias Capizzano

 

Curta a revista Náutica no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece no mundo náutico.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Casal troca apartamento para viver em veleiro com seis gatos

    Embora a rotina de manutenção do catamarã seja dura e exigente, Aline e José garante que vale a pena

    Novo submarino Tonelero será lançado ao mar no fim de março, no Rio de Janeiro

    Gigante equipamento militar equivale o peso de 234 carros populares e tem 71,6 metros de comprimento

    Carga bilionária: Colômbia vai extrair tesouros do "Santo Graal dos Naufrágios"

    Embarcação espanhola que naufragou em 1708 levou US$ 20 bilhões para o fundo do mar

    Recém-lançado, Neuboat Dock Raymarine é novidade da Marine Express

    Semelhante a uma câmera de ré, o Neuboat Dock é capaz de mapear o ambiente e trazer imagens 360º ao piloto

    Venda de ingressos para o Rio Boat Show 2024 é aberta; garanta o seu

    Evento conhecido por reunir o melhor do lifestyle náutico acontece de 28 de abril a 5 de maio, na Marina da Glória