Copa Swift Sport

Por: Redação -
24/03/2015

O tempo instável e a falta de vento exigiram paciência e perícia das 31 tripulações e da Comissão de Regatas (CR) no primeiro final de semana da 1ª Etapa da Copa Swift Sport, em Ilhabela. Os barcos chegaram a largar no domingo com vento sueste fraco, entre seis e sete nós (média de 12 km/h), mas a queda de intensidade, aliada à forte correnteza no Canal de São Sebastião impediu que as regatas fossem concluídas. Apenas na classe HPE, quatro veleiros cruzaram a linha de chegada, sob forte chuva, antes do limite de tempo.

Com os tripulantes expostos a extremo desgaste, a CR optou por anular a prova das classes RGS e C30 neste domingo (22). “Não seria justo com os velejadores, deixar a regata prosseguir em condições completamente desfavoráveis”, avaliou o diretor da CR, Cuca Sodré. No sábado, o vento fraco e rondado já havia dificultado o trabalho da CR, que só pode montar a raia às 14h30. A largada estava prevista para meio-dia. No retorno ao Yacht Club de Ilhabela (YCI) a canoa de cerveja artesanal Therezópolis garantiu a diversão.

A classe HPE foi a única que encerrou o fim de semana com duas regatas. O Ginga venceu a regata de domingo e assumiu a liderança com três pontos perdidos, à frente de Fit to Fly, com cinco pontos e de Aventura 55 e Atrevido, ambos com oito. “Na primeira regata pegamos rumo errado e na perna de popa nos recuperamos, subindo do quinto para o segundo lugar, mas não conseguimos alcançar o Fit to Fly”, analisou Breno Chvaicer, comandante do Ginga, cinco vezes campeão do Circuito Ilhabela, que neste ano mudou de Copa Suzuki Jimny para Copa Swift Sport.

Na Classe C30, após a regata de sábado, a liderança é do Porsche, seguido por +Realizado e Caballo Loco. Na RGS Cruiser o primeiro colocado é o BL3. Cocoon e Jambock vêm a seguir. Na RGS Geral o Hélios lidera, à frente de Suduca e Asbar. O comandante do Jazz, John Jansen, e sua tripulação aproveitaram ao máximo o fim de semana no YCI. “Foi um excelente começo de temporada. A regata foi muito gostosa enquanto o vento ajudou. Tivemos praticamente as quatro estações do ano em apenas um dia. Um desafio!”

A 1ª Etapa da Copa Swift Sport será concluída no próximo fim de semana (28 e 29/3).

Três primeiros em cada classe:

RGS Geral
1.Helios II (Marcos Lobo)
2.Suduca (Marcelo Claro)
3.Asbar II (Sérgio Keplacz)

RGS Cruiser
1.BL3 (Clauberto Andrade)
2.Cocoon (Luiz Caggiano)
3.Jambock (Marco Aleixo)

C30
1.Porsche (Marcos de Oliveira Cesar)
2.+Realizado (José Luiz Apud)
3.Caballo Loco (Mauro Dottori)

HPE
1.Ginga (Breno Chvaicer)
2.Fit to Fly (Eduardo Mangabeira)
3.Aventura 55 (José Vita)

Foto: Marcos Méndez/SailStation.com

 

Curta a revista Náutica no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece no mundo náutico.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Procurando um terreno? Ilha intocada na Patagônia Chilena está à venda

    Local tem cerca de 445 km², mais de 80 lagos, a Cordilheira dos Andes de fundo e custa aproximadamente R$ 173,6 milhões

    1ª embarcação capaz de produzir seu próprio hidrogênio está prestes a finalizar volta ao mundo

    Boberto por 202 m² de painéis solares, barco percorreu quase 63.040 milhas náuticas apenas com energias renováveis

    Expedição realizada no Chile pode ter descoberto mais de 100 novas espécies marinhas

    Biólogos do Censo Marinho têm o objetivo de descobrir 100 mil novos seres do mar nos próximos 10 anos

    Casal troca apartamento para viver em veleiro com seis gatos

    Embora a rotina de manutenção do catamarã seja dura e exigente, Aline e José garante que vale a pena

    Novo submarino Tonelero será lançado ao mar no fim de março, no Rio de Janeiro

    Embarcação militar de 71,6 metros é oriunda do Programa de Desenvolvimento de Submarinos, selado entre Brasil e França