Faltou vento

Por: Redação -
15/06/2014

Faltou vento na raia de Split, na Croácia, e o que era para ser um encontro de campeões na decisão do Europeu de Laser, com Robert Scheidt e Tonci Stipanovic protagonizando o duelo Brasil x Croácia da vela, terminou sem emoção. Com o cancelamento das regatas deste sábado (14), a classificação da sexta-feira foi mantida, consagrando o croata Stipanovic, que velejava em casa, como campeão. Líder do ranking mundial da classe, Scheidt ficou com o quinto lugar.

“Esperamos o dia todo para velejar, mas novamente não tivemos regatas. Saio daqui um pouco desapontado, pois não tive a oportunidade de reagir e descartar o meu único resultado ruim na competição. Com uma ou duas provas, a classificação do Europeu poderia mudar bastante, mas não podemos controlar o vento”, lamentou Scheidt, dono de cinco medalhas olímpicas (dois ouros, duas pratas e um bronze) e 14 títulos mundiais, entre Laser e Star.

Os ventos fracos marcaram todo o Europeu de Laser, que foi encurtado para seis regatas, das 12 previstas no programa. Ainda assim, Scheidt mostrou regularidade, vencendo uma prova e terminando entre os cinco primeiros em outras quatro. “Estou velejando com uma boa velocidade, mesmo nessa condição de ventos fracos. Agora vou me concentrar no evento-teste no Rio de Janeiro. Devo descansar alguns dias, antes de iniciar a preparação para competir na raia olímpica dos Jogos de 2016”, aponta o brasileiro, patrocinado pelo Banco do Brasil, Rolex e Deloitte, com os apoios de Audi, COB e CBVela.

O Aquece Rio International Regatta, primeiro evento-teste para a Olimpíada do Rio de Janeiro, será realizado entre os dias 2 e 9 de agosto. Após a competição, Scheidt segue para o seu principal desafio na temporada, o Mundial de Vela 2014, em Santander, Espanha, em setembro.

Foto: Thom Touw

 

Curta a revista Náutica no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece no mundo náutico.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Catamarã elétrico de startup vence concurso e fará parte da autoridade marítima de Singapura

    Embarcação participa do projeto singapurense que pretende acabar com emissões portuárias até 2050

    Casas flutuantes em alta: conheça as mais luxuosas do mundo

    Inspire-se com cinco modelos das moradias sobre as águas que estão fazendo a cabeça dos milionários

    Com dois barcos de 19 pés, Ross Mariner mostra lançamento no Rio Boat Show 2024

    Boas opções de entrada, embarcações estarão no salão, de 28 de abril a 5 de maio, na Marina da Glória

    NÁUTICA Talks recebe Marina Bidoia, mais jovem velejadora a concluir a Refeno

    Velejadora realizou o trajeto Recife-Fernando de Noronha aos 24 anos, e vai levar experiência ao Rio Boat Show 2024

    Posto flutuante da rede Golfinho estará no Rio Boat Show 2024

    Loja de conveniência batizada de WayPoint também será apresentada de 28 de abril a 5 de maio, na Marina da Glória