Transat Jacques Vabre

Por: Redação -
09/10/2015

A 12ª edição da regata transatlântica Jacques Vabre larga no dia 25 de outubro de Le Havre, na Normandia, rumo a Itajaí, em Santa Catarina, ultrapassando as 5 400 milhas náuticas da França até o Brasil. As 42 duplas participantes estão em ritmo acelerado e cumprem a última etapa de qualificação, que é uma regra do evento e vale para todas as classes, antes da prova. O trajeto deve ter no mínimo 600 e no máximo 1.000 milhas náuticas e deve ser pré-aprovado pela direção de prova da Transat Jacques Vabre. Tudo isso serve como preparação, além de atestar que a equipe e o barco estão em condições de participar da travessia.

A única dupla brasileira na regata, Edu Penido e Renato Araújo, já cumpriu o trajeto e está liberada para largar no dia 25. Eles estão na França desde setembro com o objetivo de intensificar os treinos e preparar o barco da Class40 para a disputa. ”Acho que o nosso maior problema é o entrosamento, pois treinamos pouco juntos. Por isso, nós estamos treinando muito aqui na França. Chegamos em setembro e ficamos aqui até a largada. Ainda tem muito trabalho para arrumar tudo”, disse o campeão olímpico Eduardo Penido.

Todas as equipes deverão se apresentar na Bacia Paul Vatine, na cidade de Le Havre, até o prazo de 16 de outubro, dia em que a Vila da Regata abrirá para a visitação do público francês. A expectativa é de que as embarcações que ainda não qualificadas cumpram o trajeto nos próximos dias, já que as previsões meteorológicas para o Oeste Europeu apontam para condições favoráveis para a navegação.
A previsão de chegada das primeiras equipes na cidade catarinense de Itajaí é para a primeira semana de novembro, a partir do dia 4 (quarta-feira). A Vila da Regata funcionará de 3 a 15 de novembro com atrações gratuitas e visitação aos barcos da regata.

No fim do mês, na França, largarão quatro classes divididas entre monocascos e multicascos. Por ordem de tamanho, a Class40 (veleiros de 40 pés) contará com 14 duplas, a Multi50 (50 pés) terá 4, a IMOCA (60 pés) terá 20 e a Ultime (barcos de até 102 pés) outras quatro duplas. Ao todo, serão 84 velejadores ao longo da mais extensa travessia transatlântica.

Foto: Divulgação

Assine a revista NÁUTICA: www.shoppingnautica.com.br

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Peixe-lua encontrado em praia dos EUA pode ser o maior já registrado na história

    Espécie rara de 2,2 metros foi encontrada já sem vida na cidade de Gearhart, no estado de Oregon

    Linda e precária: ilha no Caribe Colombiano é a mais densamente povoada do mundo

    Com 10 mil m² de área, Santa Cruz del Islote tem apenas 825 habitantes e sofre com turismo predatório

    Ilhabela deve ganhar 1ª usina de dessalinização de água de São Paulo em 2026

    Projeto prevê aumento de 22% no volume de água tratada no município, atendendo mais de 8 mil pessoas

    Descanso sobre as águas: hospedagem em barcos atracados é opção de lazer no litoral brasileiro

    Ideia dispensa a necessidade de carteira náutica e traz valores acessíveis para uma experiência pra lá de diferente

    Falkirk Wheel: conheça o elevador gigante para barcos que virou ponto turístico

    Construção na Escócia foi feita para driblar desnivelamento maior que um prédio de dez andares