Triton exporta lancha de 37 pés com hard top para os EUA

Por: Redação -
16/09/2022

A Triton Yachts, uma das marcas confirmadas no São Paulo Boat Show 2022, acaba de exportar mais uma lancha de 37 pés com hard top. Desta vez o destino é Dania Beach, na Flórida, nos Estados Unidos.

VEJA TAMBÉM
>> Falta uma semana: vem aí a histórica 25ª edição do São Paulo Boat Show

>> Compre seus ingressos para o 25º São Paulo Boat Show

A lancha, que estará entre os modelos expostos no salão náutico paulista, foi pensada para proporcionar boa navegação em mares e rios, aliada ao conforto, design e processos construtivos. O modelo vem com hard top com abertura elétrica e há, ainda, a possibilidade de instalação de porta no cockpit.

“Nossa projeção de crescimento para os próximos três anos é dobrar o número de unidades entregues para outros países”

Allan Cechelero, diretor de marketing da Triton Yachts

O exterior da lancha conta com espaço gourmet com churrasqueira e pia na praça de popa, e solário na proa para banhos de sol. Com amplo espaço interno, possui banheiro com box fechado, cozinha e área de estar e jantar. Pode acomodar até cinco pessoas em pernoite: tem cama de casal na proa, duas camas de solteiro à meia-nau e sofá, que pode servir como mais uma cama.

Com mais de 11 m de comprimento, a lancha comporta até 12 convidados durante o dia. Pode ser equipada com dois motores de 250 hp ou dois de 350 hp, a gasolina ou a diesel. Os acessórios são customizados de acordo com a preferência do cliente.

O estaleiro paranaense atua nos Estados Unidos por meio da marca Hanover, em parceria com o Blue Ride Group, desde junho desse ano — só naquele mês foram quatro embarcações exportadas para o mercado norte-americano, com outras previstas até o fim do ano.

“Nossas embarcações seguem rigorosas certificações nacionais e internacionais. A excelente aceitação pelo mercado norte-americano, que é um dos mais maduros e exigentes do mundo, contribui para consolidarmos a expansão”, afirma Allan.

Com mais de 30 anos de história e matriz produtiva na grande Curitiba (PR), a Triton já possui mais de 150 barcos navegando fora do Brasil. Apenas em termos de exportações, a projeção é de que até o final de 2024, 70 unidades entre 23 e 52 pés tenham como destino o mercado norte-americano.

“Esse fator traz reflexos não apenas em termos de crescimento do estaleiro e geração de empregos, mas para toda a cadeia náutica de suprimentos. É um demonstrativo da nossa capacidade produtiva e do fortalecimento da indústria náutica brasileira”, analisa o diretor de marketing da Triton.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Saiba como seu barco pode ajudar moradores do Rio Grande do Sul

    Grupo Náutica uniu forças com a CUFA para apoiar o estado atingido por enchentes; instituição busca pequenos barcos para o transporte de doações

    Sem deixar feridos, incêndio na Croácia atinge mais de 20 barcos

    Incidente ocorreu em marina na cidade de Medulin, no noroeste do país, no último dia 15

    Nova lancha da Azimut promete reduzir em até 40% as emissões de CO₂

    Batizada de Seadeck 6, embarcação foi apresentada em piscina no maior evento de design do mundo, na Itália

    EUA enviam ao Rio de Janeiro porta-aviões gigante de 333 metros; entenda

    USS George Washington atracou no Brasil como parte da operação Southern Seas, que visa incentivar a cooperação entre os países

    Em fase final de testes, Aquabus de Ilhabela transportaram 1,5 mil pessoas no fim de semana

    Novo sistema de transporte aquaviário contará com três catamarãs e capacidade para 60 pessoas em cada viagem; data de inauguração ainda não foi divulgada