Companhia aérea do Japão investe em projeto de barcos voadores

Planador marítimo Viceroy é um surpreendente barco com asas, com direito a aerofólio e hidrofólio

01/02/2023
Planador maritimo no mar
Fotos: Divulgação

A empresa Japan Airlines anunciou, recentemente, que vai investir em um inovador projeto de planadores marítimos da Regent Craft.

A companhia aérea não revelou o valor do montante disponibilizado, mas a empresa de planadores afirma já ter arrecado para o projeto US$ 40 milhões, aproximadamente R$ 205 milhões (valores consultados em janeiro de 2023).

 

O planador marítimo recebeu o nome de Viceroy e possui um par de asas, um sistema parecido com os hidrofólios, bem como um grande aerofólio.

 

Como o casco desses planadores marítimos tem um formato diferente, sua navegação se adapta às diversas condições do mar e proporciona tanto pousos como decolagens suaves na água.

Tamanho dos planadores marítimos impressiona

O sistema do Viceroy permite que os barcos voadores naveguem a até 9 metros acima do nível da água. A envergadura do modelo (distância entre as asas dele) deverá ter entre 18,3 até 19,8 metros — cerca de 65 pés.

Projetado para receber até 12 passageiros e mais dois tripulantes, o Viceroy fará as viagens com muito conforto. A velocidade máxima do planador marítimo será em torno dos 300 km/h.

 

Seus testes começarão a partir de 2024. E uma curiosidade é que, embora voem, os planadores marítimos são comandados por um capitão marítimo, e não um piloto.

 

A Regent Craft  anunciou que recebeu ao menos 400 pedidos dos barcos voadores desde que a parceria com a Japan Airlines foi anunciada. Outros investidores do projeto são Thiel Capital, Y Combinator, Founders Fund, Hawaiian Airlines e o empresário Mark Cuban, além da Mesa Air Group, que se comprometeu, no ano passado, a comprar 200 modelos como esses.

 

O diferencial dos planadores marítimos é usarem de um sistema totalmente elétrico, ou seja, sua emissão de poluentes é muito baixa. A Regent ainda está preparando outra embarcação nesses moldes. Batizado de Monarch, ele terá, no entanto, capacidade para transportar até 100 passageiros e entrará em serviço por volta de 2028.

 

Por Felipe Yamauchi, sob supervisão da jornalista Denise de Almeida

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Recém-lançado, Neuboat Dock Raymarine é novidade da Marine Express

    Semelhante a uma câmera de ré, o Neuboat Dock é capaz de mapear o ambiente e trazer imagens 360º ao piloto

    Venda de ingressos para o Rio Boat Show 2024 é aberta; garanta o seu

    Evento conhecido por reunir o melhor do lifestyle náutico acontece de 28 de abril a 5 de maio, na Marina da Glória

    Memória Náutica: relembre como foi o Rio Boat Show de 2001

    Evento mostrou força dos estaleiros brasileiros, com 143 barcos nacionais, além de quase 50 importados

    Circuito Ilhabela de Vela Oceânica - Copa Mitsubishi de Vela começa em 1º de março

    Dividida em dois finais de semana, primeira etapa da temporada 2024 acontece nos dias 2, 3, 9 e 10 de março

    Arquiteto cingalês cria projeto de restaurante à beira-mar com formato de tartaruga gigante

    Estabelecimento, além de criar conexão com o animal, se conecta com a natureza e com a sustentabilidade