Debaixo d’água

08/07/2016

Três universidades da Bahia (UFBA, UFRB e UEFS) se uniram em prol do projeto ObservaBaía, que mapeia a história, o meio ambiente e a cultura da Baía de Todos os Santos. Uma das formas utilizadas para fazer isto é a arqueologia subaquática, estudando e preservando navios que lá naufragaram. Os pesquisadores identificam os navios naufragados, fazem anotações e medem as partes dos velhos navios. Tudo é mapeado, gravado e registrado. Por meio das fotografias, os pesquisadores pretendem criar réplicas dos navios naufragados em 3D e dar a chance de as pessoas conhecerem essas histórias no Museu Náutico da Bahia. Cerca de 18 embarcações já foram identificadas, entre elas, o Vapor Maraldi, que naufragou em 1875, e está a apenas 4 metros de profundidade.

Foto: Reprodução

Assine a revista NÁUTICA: www.shoppingnautica.com.br

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Vokan apresenta serviço de seguros náuticos no Marina Itajaí Boat Show 2024

    A corretora estará presente no evento, que acontece entre 4 e 7 de julho, em Santa Catarina

    Estofados náuticos da Agroquímica estarão no Marina Itajaí Boat Show 2024

    Estande terá opções da marca Kelson's para todos os gostos no salão que acontece de 4 a 7 de julho

    Yachtmax leva Ferretti 720 ao Marina Itajaí Boat Show 2024

    Representante da Ferretti e Okean no Brasil estará com dois barcos no evento náutico, de 4 a 7 de julho

    Gravidez misteriosa de arraia que convivia só com tubarões foi solucionada

    Charlotte apareceu grávida em fevereiro em aquário nos EUA, mas não dividia o recinto com arraia macho

    Yamaha terá jets e motores no Marina Itajaí Boat Show 2024; confira modelos

    Quatro WaveRunners e motores de popa vão compor o estande da marca no salão, que acontece de 4 a 7 de julho