Para wake

Por: Redação -
05/10/2015

A Malibu Boats está no São Paulo Boat Show 2015 com o modelo 24 MXZ. Com capacidade para 16 pessoas, esta lancha desenvolvida para esportes aquáticos conta com novo casco wakeplus e um novo sistema de ondas, além de possuir surfgate e painel digital com touchscreen. A marca está aproveitando o salão náutico para divulgar, também, uma das suas novidades para 2016, a 25 LSV.

O São Paulo Boat Show 2015 acontece até a terça-feira, 6, no Transamerica Expo Center. Os ingressos estão disponíveis pela internet com o programa de fidelidade Dotz ou Ingresso Rápido, e na bilheteria do evento (R$ 60 – convite regular, inclusive para crianças acima de 1 m de altura (crianças de até 1 m não pagam); R$ 30 – pessoas acima de 65 anos; R$ 5 – portadores de necessidades especiais). O Transamerica Expo Center fica localizado à Av. Dr. Mário Villas Boas Rodrigues, 387, Santo Amaro. O local possui estacionamento próprio e os visitantes do São Paulo Boat Show 2015 pagam o valor de R$ 42 para carros e R$ 30 para motos.

Atenção para os horários: dia 1º (abertura) – das 15h às 22h / dias de semana – das 13h às 22h / fim de semana – das 12h às 22h / dia 6 (encerramento) – das 13h às 21h.

Assine a revista NÁUTICA: www.shoppingnautica.com.br

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Linda e precária: ilha no Caribe Colombiano é a mais densamente povoada do mundo

    Com 10 mil m² de área, Santa Cruz del Islote tem apenas 825 habitantes e sofre com turismo predatório

    Ilhabela deve ganhar 1ª usina de dessalinização de água de São Paulo em 2026

    Projeto prevê aumento de 22% no volume de água tratada no município, atendendo mais de 8 mil pessoas

    Descanso sobre as águas: hospedagem em barcos atracados é opção de lazer no litoral brasileiro

    Ideia dispensa a necessidade de carteira náutica e traz valores acessíveis para uma experiência pra lá de diferente

    Falkirk Wheel: conheça o elevador gigante para barcos que virou ponto turístico

    Construção na Escócia foi feita para driblar desnivelamento maior que um prédio de dez andares

    Ações de despoluição na Baía de Guanabara fazem vida marinha voltar às águas

    Expedições comandadas pelo Instituto Mar Urbano observaram mais animais na região e melhor qualidade da água