Websérie apresenta jogos na água a bordo das motos aquáticas Sea-Doo

Por: Redação -
14/04/2022
Fotos: Divulgação

Já está no ar o primeiro de três episódios da websérie da Fun House Sea-Doo, evento que reuniu oito influenciadores que encararam uma mega-aventura na água a bordo das motos aquáticas da marca, da recém-lançada linha 2022.

O desafio proposto pela Sea-Doo foi o de criar jogos na água para os competidores, que foram divididos em dois times.  A bordo dos jets montaram estratégias e usaram de muita habilidade para completar as provas, que valiam pontos para as equipes.

No estilo ‘reality show’, e composto por três episódios para YouTube, o conteúdo está sendo lançado na página da Fun House Sea-Doo. Basta acessar para acompanhar o primeiro vídeo já disponível. Os segundo e terceiro episódios serão lançados nas próximas semanas.

Time Igor x Time Minotauro

A dinâmica do evento se deu em torno dos oito influenciadores e dois times: um liderado pelo ator Igor Rickli, do qual fizeram parte Nina Anhaia, Breno Bezinelli e Maria Dias Neiva; e outro pelo lutador de UFC Rodrigo Minotauro, composto por Ana Paula Silva, Cassiano Azevedo e Victoria Roman. Eles encararam altos desafios na água, numa brincadeira muito divertida e inusitada, com quatro provas criadas pela Sea-Doo. As três primeiras valiam 100 pontos cada e a última, 300. O time que somasse mais pontos era o vencedor.

Prova 1 – Rally Trixx: usando o modelo de manobras da Sea-Doo, o Spark Trixx, os participantes deveriam fazer 5 ‘zerinhos’ na água e em seguida realizar um percurso, finalizando com a manobra de empinar a moto aquática.

Prova 2 – Caça Bola: em duplas, os competidores deveriam pegar as bolas que estavam na água e depositá-las na boia do seu respectivo time. Uma bola dourada escondida valia mais pontos.

Prova 3 – Wake Ball: três competidores por equipe, um pilotando o jet, um observador de costas e o terceiro sendo rebocado sobre uma boia Sea-Doo. A pessoa na boia precisava pegar as bolas que estavam na água e acertar na cesta de basquete flutuante.

Prova 4 – Fun Fish: em duplas, os competidores deveriam “pescar” os peixes cenográficos de diferentes tamanhos e peso, que estavam boiando na água. Cada dupla pôde escolher três peixes, e nem sempre os maiores eram os mais pesados. Ao final, os peixes de cada equipe foram pesados para determinar os vencedores.

Após cumprirem todas as provas, e sofrerem algumas penalizações por falhas no percurso, o final surpreendente registrou a equipe campeã, que pode ser conferida nos episódios da websérie no YouTube.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Casal troca apartamento para viver em veleiro com seis gatos

    Embora a rotina de manutenção do catamarã seja dura e exigente, Aline e José garante que vale a pena

    Novo submarino Tonelero será lançado ao mar no fim de março, no Rio de Janeiro

    Gigante equipamento militar equivale o peso de 234 carros populares e tem 71,6 metros de comprimento

    Carga bilionária: Colômbia vai extrair tesouros do "Santo Graal dos Naufrágios"

    Embarcação espanhola que naufragou em 1708 levou US$ 20 bilhões para o fundo do mar

    Recém-lançado, Neuboat Dock Raymarine é novidade da Marine Express

    Semelhante a uma câmera de ré, o Neuboat Dock é capaz de mapear o ambiente e trazer imagens 360º ao piloto

    Venda de ingressos para o Rio Boat Show 2024 é aberta; garanta o seu

    Evento conhecido por reunir o melhor do lifestyle náutico acontece de 28 de abril a 5 de maio, na Marina da Glória