Bronze

Por: Redação -
07/07/2014

O brasileiro Bruno Prada foi um dos destaques do Mundial de Star 2014, disputado em Malcesine, na Itália. Na proa de Eivind Melleby, o medalhista olímpico tinha chance de título até a última regata. Por dois pontos de vantagem, o título ficou com os alemães Robert Stanjek e Frithjof Kleen. “Feliz com o terceiro lugar no Campeonato Mundial! Muito obrigado a todos que torceram”, disse Bruno Prada em suas redes sociais.

A melhor dupla 100% brasileira foi de Marcelo Fuchs e Roni Seifert, que ficou em quinto lugar. Outros brasileiros como Torben Grael e Lars Grael também correram o Mundial de Star. Torben, que correu com o proeiro Guilherme de Almeida, terminou a competição na nona colocação. Já Lars, que estava com seu proeiro Samuel Gonçalves, ficou em 19º. A dupla venceu duas regatas da competição, mas uma largada queimada tirou as chances do título de Lars e Samuca.

Foto: Marc Rouiller / Star Sailors League

 

 

Curta a revista Náutica no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece no mundo náutico.

 

 

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Sem deixar feridos, incêndio na Croácia atinge mais de 20 barcos

    Incidente ocorreu em marina na cidade de Medulin, no noroeste do país, no último dia 15

    Nova lancha da Azimut promete reduzir em até 40% as emissões de CO₂

    Batizada de Seadeck 6, embarcação foi apresentada em piscina no maior evento de design do mundo, na Itália

    EUA enviam ao Rio de Janeiro porta-aviões gigante de 333 metros; entenda

    USS George Washington atracou no Brasil como parte da operação Southern Seas, que visa incentivar a cooperação entre os países

    Em fase final de testes, Aquabus de Ilhabela transportaram 1,5 mil pessoas no fim de semana

    Novo sistema de transporte aquaviário contará com três catamarãs e capacidade para 60 pessoas em cada viagem; data de inauguração ainda não foi divulgada

    Italiana Rossinavi lança catamarã híbrido-elétrico de 43 metros

    Modelo nasce como “projeto mais inovador” do estaleiro, com tecnologias sustentáveis e até uso de Inteligência Artificial