Classic Sailing Festival

Por: Redação -
13/05/2016

Nos dias 18 e 19 de junho, o Yacht Club Paulista realiza o primeiro Classic Sailing Festival, em homenagem à vela brasileira e aos campeões e medalhistas olímpicos. São esperados 60 veleiros clássicos, além da presença de grandes nomes competindo nas raias. Lars Grael, Bruno Prada, Eduardo Souza Ramos, Bibi Juetz e Jorge Zarif são alguns dos nomes já confirmados no evento. Na ocasião, acontecerão o 1º Campeonato Brasileiro de Clássicos, o Campeonato Paulista de Soling e a Regata em Homenagem aos Campeões. No fim de semana de competição devem estar presentes as classes Star, Lightning, FD, Sharpie, Finn, Snipe (valendo também para Thor com deque de madeira), Olímpico e Pingüim. Os barcos de fibra com 30 anos de idade ou mais, competirão na categoria Spirit os Tradition. Para mais informações, acesse o aviso de regata. As inscrições devem ser feitas pela internet e custam de R$ 15 a R$ 90, dependendo da categoria.

Foto: Reprodução

Assine a revista NÁUTICA: www.shoppingnautica.com.br

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Homem recupera Apple Watch que estava perdido no mar do Caribe há mais de um ano

    Aparelho foi encontrado ainda funcionando graças à ferramenta de localização do dispositivo

    Fluvimar mostrará sua linha de pontoons e barcos de pesca no Brasília Boat Show

    Estaleiro paranaense tem 30 anos de mercado e quase 13 mil barcos na água; salão acontece de 14 a 18 de agosto

    Maior barco da Fibrafort, lancha F420 Gran Coupé será destaque no Brasília Boat Show

    De 14 a 18 de agosto, público do evento náutico poderá conferir de perto os detalhes dessa e de outras duas embarcações do estaleiro

    Doutor Bruno: atleta olímpico dividiu rotina do kitesurf com medicina e mira ouro em Paris

    Entre plantões médicos e velejadas, Bruno Lobo superou lesões e falta de apoio para estrear nas Olimpíadas de 2024

    Fotos inéditas do Titanic prometem revelar detalhes nunca vistos dos destroços

    Expedição ao naufrágio conta com dois robôs ultra tecnológicos, que farão imagens e mapeamentos 3D no fundo do oceano