S40 na raia

Por: Redação -
14/07/2014

A classe Soto 40 (S40) será responsável por levar à Ilhabela Sailing Week um duelo de velhos conhecidos da principal competição de oceano da América Latina, entre Torben Grael e Eduardo Souza Ramos, rivais desde as regatas da década de 1990, nas disputas entre Polibrasil e Mitsubishi. Ausente em 2013, Eduardo retorna à 41ª edição do evento como vice-campeão mundial de TP52 para correr com o Mitsubishi Pajero. Torben estará novamente com a família a bordo do Magia Energisa.

A tripulação do Crioula, campeão da classe em 2013, também estará brigando pela liderança nos seis dias de regatas, ao lado do Carioca, de Eduardo Martins e do Royal Cape, que terá tripulantes sul-africanos. O desempenho dos S40 pode ser mensurado pela Regata Alcatrazes por Boreste de 2009, primeiro ano com a participação da classe em Ilhabela. Favorecido pela entrada de uma frente fria, o argentino Cusi 5 estabeleceu o tempo de 6h12m26, até hoje recorde da regata de 60 milhas.

“Nós não somos favoritos. O Souza Ramos tem uma tripulação experiente, o Crioula também está velejando muito bem, vai ser duro competir contra eles”, estima Torben Grael que estará ao lado da esposa Andrea e do filho Marco. A filha Martine não correrá em Ilhabela neste ano devido aos compromissos com a campanha olímpica de 49er, ao lado de Kahena Kunze.

Torben está disputando uma regata transpacífico entre São Francisco e Havaí e não chegará a tempo de correr a Regata Alcatrazes. Marco Grael será o timoneiro do Magia Energisa na prova de abertura da Ilhabela Sailing Week. “O S40 é um barco moderno, um dos mais rápidos e gostaria de competir também no tempo corrigido contra as demais classes. No oceano é sempre difícil formar uma flotilha numerosa de monotipos”, alega Torben. “Gosto muito do local e da infraestrutura do evento, principalmente depois do píer flutuante no Yacht Club de Ilhabela”, elogia o bicampeão olímpico.

O atual campeão da S40 na Ilhabela Sailing Week, Samuel Albrecht, tático do Crioula, tem a mesma opinião de Torben quando o assunto é favoritismo. “Queremos defender o nosso título, mas sabemos que há outros barcos muito bons como, por exemplo, o da equipe do Eduardo Souza Ramos, que acaba de ser vice-campeã mundial de TP52 na Itália. O retorno dele é muito importante porque além de mais um barco na raia, sempre atrai gente de fora e eleva o nível das regatas”, considera Samuca.

A tripulação gaúcha do Veleiros do Sul, coordenada por Samuca, tem obtido resultados relevantes nesta temporada com o Crioula, como os títulos da Búzios Sailing Week e da Taça Comodoro, no Rio de Janeiro. “Estamos embalados e vamos para Ilhabela com força máxima. A S40 já mostrou seu potencial no país e deve ser alavancada com o movimento dos velejadores para que se corra o Mundial em 2015 no Brasil”, revela o tático que desenvolve campanha olímpica na classe Nacra para os Jogos de 2016.

Na contramão das opiniões de Torben e Samuca, encontra-se Eduardo Souza Ramos, considerado favorito por ambos. “Desta vez acho que somos o azarão do páreo. As tripulações do Torben e do Crioula devem estar mais bem preparadas porque não pararam de velejar com o barco”, ponderou Eduardo antes do vice mundial de TP52. O timoneiro do Mitsubishi Pajero, maior vencedor em Ilhabela, chegará ao décimo título se levantar a taça neste ano.

A Ilhabela Sailing Week tem a organização do Yacht Club de Ilhabela e os patrocínios de Mitsubishi, Banco do Brasil e Correios. As regatas no Canal de São Sebastião reunirão embarcações das classes S40, ORC, IRC, C30, HPE-25, RGS, RGS Cruiser, Clássicos e Star, sendo que as regatas de ORC e Star também serão válidas pelo Campeonato Sul-americano de ambas as classes.

Fotos: Divulgação

 

Curta a revista Náutica no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece no mundo náutico.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Na Holanda, live permite acionar "campainha de peixes" para liberar passagem de animais por eclusa

    Transmissão ao vivo mostra quando um peixe aguarda passagem; espectadores avisam operadores ao "tocar campainha"

    Renault apresenta veleiro desmontável, jet elétrico e prancha motorizada

    Marca francesa propõe novas soluções de mobilidade e mostrou inovações durante lançamento de carro elétrico

    No NÁUTICA Talks, Alberto Brandão fala sobre as regatas virtuais no Brasil

    O jogo Virtual Regatta será o centro do papo sobre o eSailing no país, em palestra que acontece dentro do Rio Boat Show 2024

    Movido a energia solar, novo catamarã da Sunreef Yachts promete bateria de 1 mil kWh

    Modelo da Sunreef Yachts contará com tecnologia que percorre toda superfície externa do barco para captar a luz do sol

    JF Sun levará linhas de óculos e acessórios ao Rio Boat Show 2024

    Com especialização em lentes polarizadas e esportivas, marca estará de 28 de abril a 5 de maio, na Marina da Glória