Ajuda para o futuro

Por: Redação -
21/01/2015

Algumas das grandes promessas do iatismo brasileiro tiveram um dia importante na última semana, no Iate Clube do Rio de Janeiro. Isto porque cerca de 100 jovens velejadores, de 11 a 14 anos, tiveram a oportunidade de conhecer e aprender com atletas experientes qual o caminho a seguir no esporte, em evento promovido pela CBVela com apoio do Bradesco, patrocinador da entidade.

Os garotos, que estão encerrando a fase na categoria Optimist e precisam optar para a mudança de classe, receberam instruções da CBVela e de convidados especiais, como Torben Grael, Bruno Fontes e Patrícia Freitas.

“Na classe Optimist, por ser de iniciação, você tem que sair aos 15 anos. Chega nessa idade e os meninos ficam naquele ‘buraco negro’, sem saber para onde é que vão. Esse evento foi fundamental para mostrar as opções que a modalidade tem, e que a vela não é um bicho de sete cabeças”, afirmou o medalhista olímpico Torben Grael, que complementa: “o desafio é fazer essa transição e ajudar para que eles optem pelo barco mais interessante, pelo desejo e aptidão física de cada um. O contato com velejadores mais experiente e consagrados é fundamental, para mostrar que o caminho está aí para eles trilharem”.

“Graças ao Bradesco, hoje podemos apoiar mais de uma equipe por classe. Isso estimula os atletas das classes de base a seguir crescendo, principalmente quando eles saem da classe Optimist, na qual recebem apoio dos pais, e buscam a profissionalização”, finaliza Grael.

No evento, os futuros velejadores participaram ao lado dos atletas olímpicos de palestras e baterias de experimentação dos barcos, como os da classe Laser, 29er, 420 e Windsurf.

Foto: Marcio Rodrigues/MPIX​/Bradesco

 

Curta a revista Náutica no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece no mundo náutico.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Memória Náutica: relembre como foi o Rio Boat Show do ano 2000

    Terceira edição do evento teve de lancha sendo construída ao vivo a tanque de mergulho de 5 m de profundidade

    Com propulsão eólica, Airbus terá frotas marítimas contra emissões de dióxido de carbono

    Gigante da indústria aeroespacial terá velas rotativas e motores biocombustíveis; entenda

    Vila flutuante nas Maldivas promete ser o mais novo "point" dos milionários

    Projeto da rede de hotéis de luxo Soneva traz uma série de comodidades luxuosas com diárias a partir de R$ 25,6 mil

    São Paulo inaugura estruturas náuticas de uso público para alavancar turismo

    Municípios de Pereira Barreto, Três Fronteiras e Rubinéia deram início à primeira fase do Programa de Turismo Náutico

    Nada de bingo! Aos 81 anos, velejadora aposentada bate recordes navegando sozinha

    Mesmo aposentada, Jeanne Socrates já realizou voltas ao mundo num veleiro, e totalmente solitária