BeTriton: o veículo bizarro que é barco, triciclo e camper ao mesmo tempo

Por: Redação -
20/05/2022

Já imaginou um veículo que fosse barco, triciclo e camper ao mesmo tempo? Provavelmente não. O designer letão Aigars Lauzis, no entanto, não apenas concebeu a ideia deste “transformer”, como a tornou realidade.

Batizada de BeTriton, a engenhoca consiste em uma acomodação para pernoite que se move por terra na forma de um triciclo e, como se não bastasse, pode se converter em barco, ganhando as águas. Até duas pessoas podem viajar e dormir nela.

Estranho? Sim. Ecológico? Também

A preocupação com o meio ambiente também está presente neste veículo. Seu módulo camper conta com painéis solares ligados a baterias de lítio com potência de 100W. Tanto o triciclo quanto o barco são elétricos. E, para tornar tudo isso ainda mais verde – literalmente -, o BeTriton traz um vaso para você carregar uma plantinha com você nas viagens.

Modo barco

Quando convertido em barco, ele promete atingir a velocidade máxima de 5 km/h, e seu alcance fica entre 20 e 40 km.

A transformação se dá em duas fases: primeiro, as rodas se dobram para cima, enquanto estabilizadores infláveis flutuantes são acionados. Em seguida, um motor de pesca elétrico desce da cabine e entra em operação. O capitão também dispõe de remos, para o caso de a energia se esgotar.

Modo triciclo

O triciclo, por sua vez, promete chegar à marca dos 25 km/h e alcançar entre 50 e 100 km. Ele também inclui frenagem hidráulica nas três rodas e trava para estacionamento. Seu corpo é de aço inoxidável e alumínio.

Por menor que seja, o BeTriton não deixa a desejar nos quesitos conforto e praticidade. Seu gabinete possui uma mesa dobrável, porta-copos, compartimentos de bagagem, luzes de leitura, carregadores USB e um sistema de som Bluetooth.

Ele mede quase 4 m de comprimento e tem 1,45 m de largura e 1,75 de altura. Seu peso é de 250 kg.

O BeTriton está em produção e custa € 14 500 (aproximadamente R$ 76 868). Sua distribuição começará na Europa, mas há planos para torná-lo um fenômeno nos demais continentes.

Por Gabriel Caldini, sob supervisão da jornalista Maristella Pereira.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Procurando um terreno? Ilha intocada na Patagônia Chilena está à venda

    Local tem cerca de 445 km², mais de 80 lagos, a Cordilheira dos Andes de fundo e custa aproximadamente R$ 173,6 milhões

    1ª embarcação capaz de produzir seu próprio hidrogênio está prestes a finalizar volta ao mundo

    Boberto por 202 m² de painéis solares, barco percorreu quase 63.040 milhas náuticas apenas com energias renováveis

    Expedição realizada no Chile pode ter descoberto mais de 100 novas espécies marinhas

    Biólogos do Censo Marinho têm o objetivo de descobrir 100 mil novos seres do mar nos próximos 10 anos

    Casal troca apartamento para viver em veleiro com seis gatos

    Embora a rotina de manutenção do catamarã seja dura e exigente, Aline e José garante que vale a pena

    Novo submarino Tonelero será lançado ao mar no fim de março, no Rio de Janeiro

    Embarcação militar de 71,6 metros é oriunda do Programa de Desenvolvimento de Submarinos, selado entre Brasil e França