De trawler em Noronha

Por: Redação -
27/01/2016

Cruzeiristas subindo a costa brasileira a bordo de veleiros há aos montes. Raros são os que ousam encarar longas travessias no comando de barcos a motor, já que veleiros exigem apenas ventos, enquanto barcos a motor requerem, obviamente, combustível para navegar.

Um desses casos incomuns foi protagonizado há poucos meses pelo empresário paulista José Medeiros Nicolau, também conhecido como Zezeco, de 26 anos, que, ao lado da mãe e alguns amigos, partiu da Barra de São Miguel, em Maceió, fez escala em Recife e, depois, rumou a Fernando de Noronha de um jeito que poucos brasileiros se arriscaram até hoje: a bordo do Petit Bateau I, um Swift Trawler 44, da francesa Beneteau. “Foi a melhor das muitas viagens que fiz para Noronha”, exalta Zezeco.

Você pode conferir toda a interessante história desta aventura na edição de janeiro de NÁUTICA, à venda nas bancas de todo o Brasil e pela loja online. Não perca!

Assine a revista NÁUTICA: www.shoppingnautica.com.br

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Vírus gigante encontrado no Ártico pode amenizar efeitos do aquecimento global

    Estudo aponta que o organismo, mil vezes maior do que o vírus da gripe, consegue desacelerar o derretimento do gelo; entenda

    Estrada de pedra de 7 mil anos atrás é registro da história no fundo do Mar Adriático

    Cerâmicas e outros artefatos encontrados no local são vestígios que podem ter pertencido a antiga civilização de Hvar, na Croácia

    Curtir paisagens com água diminui a frequência cardíaca, apontam estudos

    Efeito positivo da água sobre a pressão arterial foi comprovado em três experiências com humanos

    Estaleiro holandês Feadship lança seu primeiro superiate movido a energia solar

    Embarcação de 59,5 metros representa mais um passo da marca rumo ao objetivo de ser neutra para o clima até 2030

    Mestra levará seu maior barco ao Marina Itajaí Boat Show 2024

    Estaleiro estará no evento náutico com três opções de lanchas que vão de 29,5 pés a 35 pés