Domus: o trimarã elétrico de mais de 130 pés inspirado nas casas da Roma Antiga

Por: Redação -
01/06/2022

Os estúdios Rob Doyle e Van Geest apresentaram seu novo projeto, o Domus, um trimarã elétrico de 40 metros inspirado nas casas da Roma Antiga. Com 750 toneladas, o modelo une alto desempenho, design de vanguarda e preocupação ecológica.

Um sistema otimizado de energia solar e armazenamento de bateria permite que o superiate acelere durante o dia e transfira a energia para o sistema de bateria durante a noite. Isso também significa que o Domus será totalmente silencioso enquanto estiver ancorado.

“A combinação exclusiva de energia solar, tecnologia de regeneração hidráulica e células de combustível de hidrogênio dá ao Domus alcance ilimitado com zero emissões”, disse a equipe de design.

Além das credenciais ecológicas, o Domus foi concebido como um trimarã de alto desempenho. Para reduzir o arrasto e melhorar a velocidade, ele poderá inclinar-se em um ângulo de dois graus, o que também garantirá um cruzeiro confortável com o mínimo de rolamento.

A palavra ‘domus’ vem do latim e se refere a uma casa térrea da elite romana que era construída em torno de um pátio interno. O trimarã pega emprestados aspectos desse design para criar uma sensação de amplitude e luxo a bordo.

O espaço interno do iate cobre 783 m² divididos entre dois decks. Há seis camarotes de hóspedes no total, com quatro VIPs e duas suítes do proprietário, cada uma equipada com sua própria área de lounge.

Como se não bastasse o conforto das acomodações, este trimarã conta com várias opções de lazer, que incluem uma sala de cinema, academia e um salão com bar. O Domus também ostenta uma área de spa com piscina.

Trabalhando juntos no projeto, Rob Doyle e Van Geest Design fizeram uma extensa pesquisa sobre os aspectos práticos e elementos de segurança associados aos trimarãs. “Acreditamos firmemente que, se você deseja os benefícios dos multicascos com mais de 40 metros, a única solução prática é um trimarã”, acrescentou a dupla de designers.

Juntamente com o conceito de 40 metros, a equipe está criando uma versão maior para um estaleiro.

Por Gabriel Caldini, sob supervisão da jornalista Maristella Pereira.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Sem deixar feridos, incêndio na Croácia atinge mais de 20 barcos

    Incidente ocorreu em marina na cidade de Medulin, no noroeste do país, no último dia 15

    Nova lancha da Azimut promete reduzir em até 40% as emissões de CO₂

    Batizada de Seadeck 6, embarcação foi apresentada em piscina no maior evento de design do mundo, na Itália

    EUA enviam ao Rio de Janeiro porta-aviões gigante de 333 metros; entenda

    USS George Washington atracou no Brasil como parte da operação Southern Seas, que visa incentivar a cooperação entre os países

    Em fase final de testes, Aquabus de Ilhabela transportaram 1,5 mil pessoas no fim de semana

    Novo sistema de transporte aquaviário contará com três catamarãs e capacidade para 60 pessoas em cada viagem; data de inauguração ainda não foi divulgada

    Italiana Rossinavi lança catamarã híbrido-elétrico de 43 metros

    Modelo nasce como “projeto mais inovador” do estaleiro, com tecnologias sustentáveis e até uso de Inteligência Artificial