Estaleiro paranaense registra aumento de 50% em negócios durante Rio Boat Show

Por: Redação -
14/05/2019

Durante nove dias, de 27 de abril a 5 de maio, o Rio de Janeiro foi palco para a 22ª edição do Rio Boat Show, o maior evento náutico outdoor da América Latina, que reuniu mais de 60 embarcações de renomados fabricantes nacionais e internacionais na Marina da Glória. Há mais de 10 anos no evento, a conceituada linha de lanchas Triton Yachts – fabricada pelo estaleiro Way Brasil no Paraná – registrou acréscimo de 50% em vendas em comparação ao ano anterior, além de agendamento de tests-drives e negociações em andamento.

“O resultado alcançado nesta edição foi melhor que o ano passado, mas o mercado náutico ainda tem muito potencial de desenvolvimento no Brasil. E, para nós, é motivo de muito orgulho perceber que à medida que setor ganha força, com maior volume de público visitante interessado, a aceitação e reconhecimento à marca e aos produtos da Triton Yachts são convertidos em vendas”, conta o diretor da marca, Allan Cechelero.

A marca expôs três modelos de 30 a 46 pés e surpreendeu novamente o público visitante apresentando novidades ao mercado brasileiro. Dessa vez, a embarcação Triton 460 Fly, considerada de médio para grande porte, lançada recentemente no país, garantiu alta visitação ao estande. A embarcação agradou pelo design, acabamento, aproveitamento de espaços nas áreas externas – como é o caso do flybrigde (3º pavimento) – e pelos camarotes para pernoite.

LEIA TAMBÉM
>>Brasília receberá festival de esportes náuticos em junho
>>Na Austrália, um navio abandonado virou uma espécie de formidável vaso náutico
>>Maior livraria flutuante do mundo visitará cinco municípios brasileiros

Já o modelo de 30 pés em exposição, a Triton 300 Sport, com design jovem e arrojado, foi o mais vendido na feira. “O visual esportivo, moderno e colorido aliado à qualidade construtiva e o aproveitamento de espaços foram os grandes diferenciais das embarcações apresentadas durante os nove dias de evento. O interesse do público por esta lancha, de 9,20 metros de comprimento, consolidou a procura já existente no mercado por embarcações que comportam até 10 pessoas para passeios durante o dia, porém sem esquecer do conforto que uma versão cabinada (com camarotes a bordo) pode oferecer. Por isso, atraiu atenção não apenas de quem planeja ingressar no segmento náutico como de quem pretende fazer um upgrade de embarcação”, explica.

Outro destaque foi a embarcação Triton 370HT, com hard top (semelhante ao teto solar) que agradou pelo tamanho e conforto a bordo. “A marca e os produtos estão com boa aceitação no mercado, pois até mesmo modelos que não estavam em exposição, foram comercializados durante o Rio Boat Show. Além disso, novas vendas devem se concretizar nos próximos dias comprovando a força e a qualidade dos produtos Triton Yachts”, reforça o diretor.

Receba notícias de NÁUTICA no WhatsApp. Inscreva-se!

Quer conferir mais conteúdo de NÁUTICA?
A edição deste mês já está disponível nas bancas, no nosso app
e também na Loja Virtual. Baixe agora!
App Revista Náutica
Loja Virtual
Disponível para tablets e smartphones

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Saiba como seu barco pode ajudar moradores do Rio Grande do Sul

    Grupo Náutica uniu forças com a CUFA para apoiar o estado atingido por enchentes; instituição busca pequenos barcos para o transporte de doações

    Sem deixar feridos, incêndio na Croácia atinge mais de 20 barcos

    Incidente ocorreu em marina na cidade de Medulin, no noroeste do país, no último dia 15

    Nova lancha da Azimut promete reduzir em até 40% as emissões de CO₂

    Batizada de Seadeck 6, embarcação foi apresentada em piscina no maior evento de design do mundo, na Itália

    EUA enviam ao Rio de Janeiro porta-aviões gigante de 333 metros; entenda

    USS George Washington atracou no Brasil como parte da operação Southern Seas, que visa incentivar a cooperação entre os países

    Em fase final de testes, Aquabus de Ilhabela transportaram 1,5 mil pessoas no fim de semana

    Novo sistema de transporte aquaviário contará com três catamarãs e capacidade para 60 pessoas em cada viagem; data de inauguração ainda não foi divulgada