Flapes

Por: Redação -
23/06/2015

Todos os barcos precisam de flapes? Essas aletas localizadas na popa do barco têm diversas finalidades, como estabilizar, ajudar no planeio, navegação ou até servir como leme em casos extremos. Marcio Dottori responde como, quando e em que embarcação usá-los.

Mas atenção, o uso dos flapes requer um pouco de cuidado. Já que ele possui todas essas utilidades quanto à navegabilidade, a utilização quando não necessário ou de maneira exagerada também pode desestabilizar um pouco o barco. Nada que atrapalhe tanto assim na navegação, basta usar de maneira delicada, com parcimônia, os botões de movimento das aletas, testá-las bem e se acostumar com elas, antes sair usando por aí.

Quer saber detalhadamente como e para que usa-se os flapes? Assista ao vídeo de TV Náutica com as explicações de Marcio Dottori abaixo.

Inscreva-se no canal da TV NÁUTICA no youtube para não perder nenhum novo vídeo!

 

 

Curta a revista Náutica no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece no mundo náutico.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Com propulsão eólica, Airbus terá frotas marítimas contra emissões de dióxido de carbono

    Gigante da indústria aeroespacial terá velas rotativas e motores biocombustíveis; entenda

    Vila flutuante nas Maldivas promete ser o mais novo "point" dos milionários

    Projeto da rede de hotéis de luxo Soneva traz uma série de comodidades luxuosas com diárias a partir de R$ 25,6 mil

    São Paulo inaugura estruturas náuticas de uso público para alavancar turismo

    Municípios de Pereira Barreto, Três Fronteiras e Rubinéia deram início à primeira fase do Programa de Turismo Náutico

    Nada de bingo! Aos 81 anos, velejadora aposentada bate recordes navegando sozinha

    Mesmo aposentada, Jeanne Socrates já realizou voltas ao mundo num veleiro, e totalmente solitária

    Solara Boat House fará sua estreia nas águas durante o Rio Boat Show 2024

    Estaleiro terá ainda 3 lançamentos e outros 6 barcos no evento que acontece de 28 de abril a 5 de maio, na Marina da Glória