Fountaine Pajot e Volvo Penta firmam parceria em projeto de eletromobilidade

Por: Redação -
20/05/2019
Foto: Divulgação

Reforçando seu compromisso em respeitar o meio ambiente e respondendo a um pedido dos proprietários cada vez mais preocupados com as soluções alternativas em termos de energia, o Grupo Fountaine Pajot se comprometeu a desenvolver uma solução elétrica inovadora com a Volvo Penta.

Com a intenção de criar maior conveniência a bordo e reduzir a pegada ecológica, a Fountaine Pajot ajudará a descrever as necessidades do mercado, na instalação, testes e demonstração da tecnologia pioneira de eletromobilidade da Volvo Penta.

Com mais de 600 unidades construídas por ano, o grupo possui seu próprio departamento de pesquisa e desenvolvimento, onde desenvolveu vários processos inovadores, incluindo a capacidade de fazer cascos de barcos por sistema de moldagem por injeção.

LEIA TAMBÉM
>>Minas Gerais receberá competição de jets no próximo mês
>>#tbt: DM 38, uma lancha revolucionária no design
>>Gaúcha Ana Paula Marques conquista inédito mundial paraolímpico

A nova tecnologia de eletromobilidade da Volvo Penta será instalada em um catamarã Fountaine Pajot Lucia 40, que atuará como o primeiro barco de demonstração equipado com o sistema. A instalação e os testes de mar serão realizados nos próximos meses, quando o desempenho e a durabilidade do sistema serão aperfeiçoados.

“A riqueza de conhecimento da Fountaine-Pajot, a proximidade de seus clientes e os dados sobre como os proprietários de barcos usam suas embarcações estão provando ser inestimáveis ​​para ajudar a fornecer uma prova de conceito real e fornecer uma solução elétrica que traga benefícios significativos aos clientes. Vamos aprender como maximizar os benefícios dessa nova tecnologia em situações do mundo real juntos”, diz Johan Inden, Presidente da Volvo Penta na Europa..

“Também vemos benefícios significativos nessa aliança”, concorda Vincent Laigo, diretor de design da Fountaine Pajot. “Há uma proporção significativa e crescente de nossa base de clientes que busca maior comodidade de vida a bordo, menor manutenção, maior sustentabilidade e uma experiência de navegação mais natural. Acreditamos que a nova tecnologia elétrica responderá a muitas dessas aspirações do cliente. Também estamos confiantes de que esta solução técnica será bem suportada em todo o mundo ”.

Receba notícias de NÁUTICA no WhatsApp. Inscreva-se!

Quer conferir mais conteúdo de NÁUTICA?
A edição deste mês já está disponível nas bancas, no nosso app
e também na Loja Virtual. Baixe agora!
App Revista Náutica
Loja Virtual
Disponível para tablets e smartphones

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Olimpíadas de Paris: você sabia que o surfe não será disputado na França?

    Em decisão polêmica, Comite Olímpico escolheu outro país para sediar todas as baterias do esporte; entenda

    Adolescente para lancha desgovernada e impede acidente em lago nos EUA

    Imagens gravadas por quem estava no local mostram jovem de 17 anos saltando de um jet em direção ao barco que rodopiava sem condutor

    Público do Brasília Boat Show tem desconto exclusivo em hotéis parceiros; saiba como funciona

    Visitantes do evento náutico, que atraca pela primeira vez no Lago Paranoá, poderão desfrutar de condições especiais no momento da reserva

    Navio de pesquisa de 1962 é capaz de “ficar de pé” no mar; assista em ação

    Quando na vertical, paredes internas viram pisos e móveis são adaptados para a nova posição

    Na dúvida de qual jet comprar? Confira modelos da Sea-Doo para cada necessidade

    Empresa conta com opções que atendem desde iniciantes no universo náutico até apaixonados por velocidade ou pesca