Maior megaiate do mundo terá 728 pés e funcionará como condomínio flutuante

Por: Redação -
05/07/2021

Com 222 metros de comprimento (728 pés), o Somnio — atualmente o maior megaiate do mundo — promete ir ao mar em 2024. A embarcação de 500 milhões de euros funcionará como um condomínio flutuante voltado para milionários.

Os 39 apartamentos de luxo que compõem o barco serão vendidos a 9,5 milhões de euros cada (ou 55,9 milhões de reais). As unidades serão instaladas em seis pavimentos e poderão ser customizadas. Elas contam com cozinha individual, espaço para refeição ao ar livre e biblioteca como opções para equipar o espaço.

Inscreva-se no canal de NÁUTICA no YouTube e ATIVE as notificações

somnio

Além de tudo, o Somnio também terá uma área compartilhada de lazer, adega com capacidade para 10 mil garrafas, sala de degustação, restaurantes, bares e um clube de praia com instalações para esportes aquáticos — e essas são só algumas das atrações.

O condomínio flutuante, que está sendo projetado pelos renomados escritórios Winch Design e Tillberg Design of Sweden, também terá assistência médica de “alto nível”, para evitar riscos à saúde.

Leia também

» Estaleiro promete embarcação totalmente livre de carbono até 2025

somnio

De acordo com o co-fundador da Somnio, Erik Bredhe, esse será o único megaiate residencial no mundo projetado de acordo com padrões exigentes. “Os proprietários irão compartilhar um estilo de vida único no mar, com tripulação escolhida a dedo e itinerário global, com destinos cuidadosamente selecionados, e experiências condizentes com uma embarcação desta natureza”.

Outro fator importante na criação do megaiate foi a adição de motores “limpos” no projeto. Como um complemento, ele ainda realizará “eco-missões” durante as viagens, em que cientistas e especialistas marinhos poderão conduzir pesquisas a bordo da Somnio para atualizar os proprietários sobre desafios globais e possíveis soluções para questões ambientais e filantrópicas.

Por Naíza Ximenes, sob supervisão da jornalista Maristella Pereira.

Não perca nada! Clique aqui para receber notícias do mundo náutico no seu WhatsApp.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Homem nada mais de 100 metros sem respirar em lago congelado e quebra dois recordes

    Aos 52 anos, experiente nadador suíço acumula títulos e já deteve outro recorde mundial; confira

    Resorts 'no meio do nada' oferecem de natação com cavalos a plantio de recifes

    Ultraluxuosos, estabelecimentos cercados por belas águas buscam se diferenciar com passeios extravagantes; conheça 5 deles

    Búzios ganhará Centro de Desenvolvimento da Vela após parceria de ICAB e CBVela

    Parceria inédita prevê treinos das equipes jovem e principal, clínicas, uma escola de vela e projeto social para fomento do esporte na região

    Tubarão mais rápido dos oceanos é filmado no litoral de São Paulo; assista

    Conhecido como tubarão-mako, animal que pode atingir até 70 km/h foi flagrado próximo à Ilhabela

    Pinguim aparece em praia de Cabo Frio (RJ), surpreende banhistas e levanta dúvida: é normal?

    Apesar de ter sido visto navegando tranquilamente no mar transparente da região, presença do animal em águas brasileiras levantou questionamentos