Monocasco voador

Por: Redação -
26/06/2015

Os AC72, veleiros da última edição da America’s Cup, abriram as portas para uma nova era de barcos de competições, os chamados catamarãs voadores graças a inclusão dos hidrofólios, hastes instaladas no casco e que têm a função de manter o casco acimada da superfície da água com o objetivo de aumentar a velocidade da embarcação por diminuir o atrito com a água.

E para provar que a nova moda realmente está pegando, o estaleiro suíço QuantBoats acaba de lançar o Quant23, um veleiro monocasco com hidrofólios. O veleiro foi desenvolvido para até três tripulantes e com capacidade de navegação de cerca de 8 nós acima da velocidade do vento.

O barco utiliza o sistema DSS (Dynamic Stability System) que vem sendo desenvolvido há uma década pelo designer Hugh Welbourn.

Fotos Divulgação

 

Curta a revista Náutica no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece no mundo náutico.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Megaiate apreendido vira "batata-quente" para os Estados Unidos; entenda o caso

    Governo norte-americano quer vender embarcação e alega não ter condições de pagar manutenção

    Reveladas imagens inéditas de navio que afundou com seu capitão há 84 anos

    O graneleiro Arlington foi encontrado nos EUA e traz, além de imagens, a história do capitão que não quis se salvar

    Novo estudo mostra que baleia-azul está acasalando com baleias-comuns mais do que deveria; entenda

    Número até então desconhecido de animais com DNA híbrido colocou pesquisadores em alerta

    Conheça o Volitan, barco voador que está próximo de se tornar realidade na Amazônia

    Criado pela startup AeroRiver, embarcação deve chegar para o transporte de cargas e pessoas na região em 2026

    Conheça a história do "Titanic dos Alpes", navio a vapor que será resgatado 90 anos após naufragar

    Embarcação foi afundada propositalmente em 1933, no Lago Constança, na Europa