Fabricante de produtos ecoeficientes para limpeza de barcos, NautiSpecial comemora 25 anos

15/06/2021

Pioneira no país na fabricação de produtos ecoeficientes, à base de plantas, para limpeza e conservação de barcos de fibra, a NautiSpecial está completando 25 anos de atividades, com muitas conquistas a comemorar. Nascida da inclinação do seu idealizador, Marcelo Huertas, para a defesa do meio ambiente e conservação das embarcações, a empresa surgiu pequena, mas ao longo dos anos se consolidou no mercado, pela qualidade de seus produtos, com destaque para os itens da linha verde, que usa componentes naturais na sua formulação, em vez de minerais.

Inscreva-se no canal de NÁUTICA no YouTube e ATIVE as notificações

“Temos o orgulho de oferecer o melhor dos produtos ecoefecientes para limpeza de embarcações com distribuição para todo o Brasil”, conta Marcelo Huertas.

A cabine do seu barco cheira a mofo? O banheiro tem aromas de esgoto? Os vidros estão manchados? Sem problema. Do flybridge ao porão, não há nada da lancha ou do veleiro que a linha de produtos da NautiSpecial não resolva, muitos dos quais sem o uso de ingredientes químicos que causam poluição ao serem despejados na água após a limpeza. São vários itens na linha verde, com fórmulas exclusivas, que produzem um impacto ambiental mínimo.

“Cada vez mais, nosso foco é meio ambiente, com o desenvolvimento de produtos de limpeza à base de ingrediente 100% naturais e sustentáveis”, diz o empresário. Que acrescenta: “Nosso objetivo é causar o mínimo impacto possível ao meio ambiente com os produtos NautiSpecial. Não basta produzir um produto que limpa, seja barato, tenha um rótulo de barquinho, mas polui. Nossa missão e desenvolver produtos de limpeza ecoeficientes, que limpam, não poluam e ofereçam o melhor custo”.

Além dos treinamentos de capacitação que dá aos marinheiros de seus clientes, Marcelo é mito conhecido no meio náutico por conta da estratégia que adotou para divulgar e vender seus produtos: dirigindo pelo país seu motorhome Mercedes Sprinter.

A bordo de sua van, ele é figurinha carimbada em boa parte das marinas e lojas náuticas brasileiras, de Vitória a Porto Alegre, sempre divulgando itens ecoeficientes para limpeza e conservação de lanchas, veleiros e jets.

“Nessas viagens, explico como usar nossos produtos de forma eficiente, sem causar danos ao meio ambiente”, conta Marcelo, que, sem deixar de ser empreendedor, encara seu trabalho como missão. “Ao mesmo tempo que vendo o meu peixe, aproveito para promover noções de sustentabilidade e educação ambiental, principalmente aos marinheiros e colaboradores das marinas”, garante.

“É a forma que encontrei para dividir conhecimento, em troca da preservação e de cuidados com a flora e a fauna marinhas brasileiras”, explica Marcelo, que compartilhou sua alegria pelo 25º aniversário da NautiSpecial interagindo com seus clientes e amigos no Instagram, cada vez mais, uma poderosa ferramenta de marketing digital.

Não perca nada! Clique aqui para receber notícias do mundo náutico no seu WhatsApp.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Linda e precária: ilha no Caribe Colombiano é a mais densamente povoada do mundo

    Com 10 mil m² de área, Santa Cruz del Islote tem apenas 825 habitantes e sofre com turismo predatório

    Ilhabela deve ganhar 1ª usina de dessalinização de água de São Paulo em 2026

    Projeto prevê aumento de 22% no volume de água tratada no município, atendendo mais de 8 mil pessoas

    Descanso sobre as águas: hospedagem em barcos atracados é opção de lazer no litoral brasileiro

    Ideia dispensa a necessidade de carteira náutica e traz valores acessíveis para uma experiência pra lá de diferente

    Falkirk Wheel: conheça o elevador gigante para barcos que virou ponto turístico

    Construção na Escócia foi feita para driblar desnivelamento maior que um prédio de dez andares

    Ações de despoluição na Baía de Guanabara fazem vida marinha voltar às águas

    Expedições comandadas pelo Instituto Mar Urbano observaram mais animais na região e melhor qualidade da água