Prime Share anuncia entrada no mercado de compartilhamento de veleiros

31/05/2022

Já pensou em ter um veleiro compartilhado com uma ou mais pessoas? Ou deixar todo o gerenciamento e manutenção dele nas mãos de uma empresa profissionalizada no assunto? A Prime Share, que atua há quase 10 anos no mercado de compartilhamento de embarcações, agora, está oferecendo aos seus clientes, também, a opção de compra compartilhada de veleiros.

A dinâmica segue a mesma do compartilhamento de lanchas. Neste modelo, o cliente tem a propriedade de 25% da embarcação em seu nome, convenientemente seguro de que o barco está sendo bem cuidado e pronto para ser usado alternadamente com os demais proprietários.

A Prime Share cuida, ainda, de documentação, seguro, manutenção, limpeza e conservação do barco. O cliente fica com a parte boa, de desfrutar do barco, e tem sempre a possibilidade de vender, se desejar.

“Historicamente, a Prime Share sempre trabalhou com lanchas. E, agora, como estratégia para 2022, estamos levando o compartilhamento para o mundo da vela”, afirma Valmir Cândido, que está implantando o projeto piloto ao lado do sócio Wagner Morais, inicialmente, exclusivamente na franquia de Angra dos Reis e Paraty.

“Uma das vantagens é que os clientes podem experimentar ambos os lugares, ou seja, o veleiro pode ficar parte do período em Angra dos Reis e outra parte em Paraty, dessa forma, proporcionando aos usuários conhecerem e explorarem ambas as regiões”, diz Wagner.

“A gente vê que existe uma carência muito grande de oferta de embarcações desse tipo na indústria nacional e, ao mesmo tempo, uma procura também muito grande por veleiros, então, aproveitando esse momento de retomada da indústria náutica, nós decidimos levar ao mercado também essa opção de compartilhamento da vela com uma gestão profissional”, acrescenta Valmir.

Além da experiência Prime Share em gestão compartilhada, a dupla conta com a expertise de Valmir, que tem mais de 30 anos de experiência no mundo da vela, já velejou internacionalmente, já trouxe vários veleiros em navegação internacional… “É uma bagagem forte nesse mercado, com experiências que ajudam a gerenciar um veleiro, que é muito diferente de gerenciar uma lancha”, reforça Wagner.

Eles estão oferecendo aos clientes alguns modelos seminovos, como MB 45, MJ 44, além de captar proprietários que tenham interesse em compartilhar seus veleiros e ter um apoio na gestão dos mesmos. De acordo com os sócios, diferente do que acontece com barcos a motor, o que se vê muito no mundo da vela, atualmente, são amigos compartilhando um mesmo veleiro, mas sem nenhuma empresa intermediando essa gestão.

A Prime Share entra no jogo tanto para vender mais cotas deste veleiro para mais proprietários quanto para apenas fazer a gestão dele e oferecer o uso da plataforma de reserva aos usuários.

Wagner e Valmir destacam a importância desta plataforma para facilitar o processo de reserva do barco por parte dos cotistas, assim como manter um diálogo entre eles sobre a manutenção da embarcação, já que conta com um histórico com todas as ocorrências dela, de uso, de manutenção preventiva, de manutenção corretiva, permitindo que exista esse panorama durante todo o ciclo de vida do barco.

A dupla selou parceria com o estaleiro Tor, de Santa Catarina, reconhecido no mercado com o consagrado veleiro Tor 12,5, de 42 pés, que está sendo relançado no mercado em conjunto entre as duas empresas. O modelo está em construção, com previsão de entrega no verão de 2022, e será uma opção de veleiro 0 km para os clientes compartilharem no modelo de cotas.

A empresa promete, ainda, mais novidades ao mercado, com outros estaleiros nacionais e internacionais, além de veleiros para regata, deixando o compartilhamento e gestão da equipe sob responsabilidade da Prime Share. Um veleiro HPE 25 já está disponível para este formato de cotas.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Casal troca apartamento para viver em veleiro com seis gatos

    Embora a rotina de manutenção do catamarã seja dura e exigente, Aline e José garante que vale a pena

    Novo submarino Tonelero será lançado ao mar no fim de março, no Rio de Janeiro

    Gigante equipamento militar equivale o peso de 234 carros populares e tem 71,6 metros de comprimento

    Carga bilionária: Colômbia vai extrair tesouros do "Santo Graal dos Naufrágios"

    Embarcação espanhola que naufragou em 1708 levou US$ 20 bilhões para o fundo do mar

    Recém-lançado, Neuboat Dock Raymarine é novidade da Marine Express

    Semelhante a uma câmera de ré, o Neuboat Dock é capaz de mapear o ambiente e trazer imagens 360º ao piloto

    Venda de ingressos para o Rio Boat Show 2024 é aberta; garanta o seu

    Evento conhecido por reunir o melhor do lifestyle náutico acontece de 28 de abril a 5 de maio, na Marina da Glória