Primeira etapa do projeto Remando em Preservação terá expedição de 1700 km

07/05/2021

A primeira etapa do projeto Remando em Preservação contará com uma expedição de 1700 km, que sairá de Salvador no dia 1º de novembro de 2021 com destino ao Rio de Janeiro.

Inscreva-se no canal de NÁUTICA no YouTube e ATIVE as notificações

Os remadores Márcio Torres e Hamílton Souza viajarão em dois caiaques oceânicos, remando aproximadamente 25 km por dia, com paradas estratégicas em praias paradisíacas e comunidades ribeirinhas.

Leia também

» Jogador de futebol americano Tom Brady compra lancha de US$ 6 mi

» 50ª edição do Newport International Boat Show tem data para acontecer nos EUA

» Lagoa Vermelha de Saquarema tem as águas mais salgadas do Rio e é comparada ao Mar Morto

Seguindo uma série de protocolos elaborados em parcerias com laboratórios de universidades federais, eles farão levantamentos de dados ambientais, históricos e culturais, a serem utilizados posteriormente em pesquisas científicas.

Esta é a primeira de algumas etapas que a dupla pretende realizar mapeando todo o litoral brasileiro. “Não basta remar, é preciso viver, conviver, sentir e, principalmente, gostar de contar histórias”, afirmam.

Tudo isso será documentado pelas câmeras dos remadores e se tornará uma websérie a ser lançada no canal da Lemurian Expeditions no YouTube.

Assista ao vídeo institucional do projeto:

Não perca nada! Clique aqui para receber notícias do mundo náutico no seu WhatsApp.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Linda e precária: ilha no Caribe Colombiano é a mais densamente povoada do mundo

    Com 10 mil m² de área, Santa Cruz del Islote tem apenas 825 habitantes e sofre com turismo predatório

    Ilhabela deve ganhar 1ª usina de dessalinização de água de São Paulo em 2026

    Projeto prevê aumento de 22% no volume de água tratada no município, atendendo mais de 8 mil pessoas

    Descanso sobre as águas: hospedagem em barcos atracados é opção de lazer no litoral brasileiro

    Ideia dispensa a necessidade de carteira náutica e traz valores acessíveis para uma experiência pra lá de diferente

    Falkirk Wheel: conheça o elevador gigante para barcos que virou ponto turístico

    Construção na Escócia foi feita para driblar desnivelamento maior que um prédio de dez andares

    Ações de despoluição na Baía de Guanabara fazem vida marinha voltar às águas

    Expedições comandadas pelo Instituto Mar Urbano observaram mais animais na região e melhor qualidade da água