Rio Boat Show 2016

Por: Redação -
14/03/2016

Com o Rio Boat Show de volta à Marina da Glória, em 2016, a Schaefer Yachts terá a oportunidade de exibir os maiores modelos de toda a sua linha de embarcações. Entre os dias 8 e 17 de abril, os visitantes do salão náutico carioca terão a oportunidade de conferir de perto e fazer test-drive com a novíssima Schaefer 560, lançada em outubro do ano passado, durante o São Paulo Boat Show, a Schaefer 640 e o iate Schaefer 830 (56, 64 e 83 pés, respectivamente).

“São nossos produtos de maior destaque”, afirma Márcio Schaefer, presidente do estaleiro catarinense, ressaltando que os barcos da empresa têm ainda mais oportunidades de customização, deixando-os com a cara do cliente e com novas possibilidades de negociação.

Projeto totalmente novo, a Schaefer 560 demandou dois anos e mais de R$ 10 milhões em investimento, possui flybridge, três cabines e duas suítes. “Trata-se de um novo modelo para completar a gama entre 50 e 64 pés. Uma faixa que faltava para o mercado”, afirma Márcio Schaefer.

O barco possui um local de convivência na proa com sofá e solário para que quem estiver a bordo possa desfrutar a paisagem e os momentos entre amigos e família. Mantendo o padrão brasileiro de barcos de lazer, estabelecido pela própria empresa, conta com ampla área gourmet na popa, bancada com churrasqueira elétrica, uma grande praça com sofá, mesa para refeições e cozinha junto à entrada do salão – o que permite maior dinâmica no preparo de pratos e drinques para os convidados.

Para os pernoites o barco possui um camarote master à meia-nau, um de proa e outro a boreste, com duas camas de solteiro que ainda podem ser revertidas em confortável cama de casal.

Já a Schaefer 640, possui plataforma de popa submergível e surpreende pelo aproveitamento de espaço, único na categoria.  No salão há a opção de cozinha logo na entrada ou no meio, seguida por dois sofás em L com mesa com mesa de centro. A cabine possui banheiro social, dois camarotes duplos (um com suíte) e suíte master com armários, sofá e escritório. Seu flybridge comporta dois sofás com mesa de centro e espaço gourmet.

Um marco da náutica nacional e o primeiro iate com mais de 80 pés concebido no país, a Schaefer 830 Fly traz design e diferenciais tecnológicos que servem de exemplo para a indústria do setor em todo o mundo.

É um barco rápido, esportivo e com convés em um nível, que permite total integração entre as áreas. Sua autonomia de 300 milhas, suas dependências e sua cozinha completa são itens indispensáveis para um cruzeiro tranquilo.

A tecnologia de construção é a mesma utilizada nos demais modelos do estaleiro, o que confere ao barco elementos ímpares de desempenho, durabilidade e menor peso. Suas quatro suítes e o salão que inclui sala de jantar e de estar traduzem toda a sofisticação oferecida para um público diferenciado. Seu porte comporta ainda garagem para moto aquática, bote de até quatro metros e três motores.

Os ingressos antecipados para o Rio Boat Show 2016 já estão a venda pelo site oficial do evento. Garanta o seu!

Foto: Divulgação

Assine a revista NÁUTICA: www.shoppingnautica.com.br

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Fotos inéditas do Titanic prometem revelar detalhes nunca vistos dos destroços

    Expedição ao naufrágio conta com dois robôs ultra tecnológicos, que farão imagens e mapeamentos 3D no fundo do oceano

    Brasília Boat Show terá presença da NX Boats com lancha de luxo assinada pela Pininfarina

    Modelo estará nas águas do Lago Paranoá de 14 a 18 de agosto; ingressos para o salão já estão disponíveis

    Lancha resistente a fuzil é o novo reforço da Polícia Militar do Paraná; conheça o barco

    Embarcação militar Aruanã 29-CM-P atuará junto à Patrulha Costeira no combate à criminalidade e segurança de 39 comunidades

    Rei e cerveja: conheça a pequena ilha que tem ‘monarca’ próprio e pub centenário

    Pertencente à Inglaterra, Ilha de Piel é habitada há pelo menos 3 mil anos e conta com um antigo castelo

    Olimpíadas de Paris: você sabia que o surfe não será disputado na França?

    Em decisão polêmica, Comite Olímpico escolheu outro país para sediar todas as baterias do esporte; entenda