Schaefer Yachts participa, simultaneamente, de três salões náuticos internacionais

Estaleiro catarinense levou seus barcos a Alemanha, EUA e Canadá. Em fevereiro, o destino é Miami

Por: Redação -
27/01/2023

A Schaefer Yachts abriu o ano de 2023 acelerando rumo ao mercado internacional. Ao celebrar 30 anos de história, o estaleiro participou de três importantes salões náuticos internacionais, simultaneamente, levando os barcos de destaque da marca.

Nos Estados Unidos, as lanchas da Schaefer passaram pela Flórida, no St. Petersburg Power and Sailboat Show. Ainda na América do Norte, a Schaefer está atracada no Toronto International Boat Show, no Canadá. Além disso, em águas europeias, o estaleiro participa do Boot Düsseldorf, na Alemanha. Os salões náuticos de Toronto e Düsseldorf acontecem até o próximo domingo, dia 29.

“Isto só se tornou possível graças à qualidade e exclusividade das embarcações”, afirma a empresa sobre a agenda nos salões náuticos internacionais. Com design moderno e inovador, mas, antes de mais nada, com o propósito de garantir qualidade e navegação, o estaleiro tem se destacado na construção de iates.

 

Destaques da Schaefer nos salões náuticos internacionais

Nos três salões náuticos internacionais, o destaque foi a Schaefer V33. Por sua vez, a Schaefer 400 marcou presença em St. Petersburg.

Schaefer V33

A Schaefer V33 é uma lancha estilo walk around — com posto de comando num console central e T top, cuja cabine não impede a circulação na proa –, produzida com foco principal no mercado norte-americano.

Schaefer 400

Já a Schaefer 400 tem pé-direito alto nas cabines, bem como duas suítes. Ainda apresenta um hard top exclusivo na categoria, além de uma ampla plataforma com espaço gourmet.

Mais salões internacionais no calendário

Em fevereiro, a Schaefer Yachts estará mais uma vez presente no Miami International Boat Show. Neste ano, serão cinco barcos expostos: Schaefer V33, Schaefer 400, Schaefer 450, Schaefer 510 GT Pininfarina e a Schaefer 660.

 

O estaleiro explica que, atualmente, conta com as mais exigentes certificações internacionais — em resumo, que atestam o nível de segurança máxima dos produtos. E, como resultado, a credibilidade no desempenho dos barcos é reforçada, ajudando a ampliar, a cada ano, o espaço no mercado internacional.

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Homem nada mais de 100 metros sem respirar em lago congelado e quebra dois recordes

    Aos 52 anos, experiente nadador suíço acumula títulos e já deteve outro recorde mundial; confira

    Resorts 'no meio do nada' oferecem de natação com cavalos a plantio de recifes

    Ultraluxuosos, estabelecimentos cercados por belas águas buscam se diferenciar com passeios extravagantes; conheça 5 deles

    Búzios ganhará Centro de Desenvolvimento da Vela após parceria de ICAB e CBVela

    Parceria inédita prevê treinos das equipes jovem e principal, clínicas, uma escola de vela e projeto social para fomento do esporte na região

    Tubarão mais rápido dos oceanos é filmado no litoral de São Paulo; assista

    Conhecido como tubarão-mako, animal que pode atingir até 70 km/h foi flagrado próximo à Ilhabela

    Pinguim aparece em praia de Cabo Frio (RJ), surpreende banhistas e levanta dúvida: é normal?

    Apesar de ter sido visto navegando tranquilamente no mar transparente da região, presença do animal em águas brasileiras levantou questionamentos