Semana de Vela

Por: Redação -
17/06/2016

A Semana de Vela de Ilhabela 2016 vem aí e contará com, aproximadamente, 10% de mulheres velejando de 1º a 9 de julho, de acordo com número parcial. São esperados no litoral norte paulista mais de 1 000 atletas em 150 barcos. Há espaço para quem busca o alto rendimento em classes de monotipo e principalmente para as mulheres que usam a modalidade como lazer aos fins de semana ou para quem quer aprender.

Segundo uma das organizadoras da competição, Ann Viebig, há muitas vantagens de ter atletas a bordo. ”As velejadoras muita das vezes são mais observadoras nas regatas, tomando decisões importantes, que podem fazer a diferença. Outra vantagem é em relação ao peso, pois as mulheres são mais leves que os homens, dando a chance de levar sempre mais uma tripulante. Tudo isso sem contar a diversão e a festa, que é o maior propósito da Semana de Vela de Ilhabela”.

Valéria Ravani, figura marcante na Semana de Vela, acredita que a vela oceânica feminina no País cresceu bastante. ”A vela é uma modalidade predominantemente masculina, mas houve um aumento no número de velejadoras nos últimos anos. Fora do Brasil não tem isso de vela masculina e feminina! Quando comprei meu primeiro barco, eu convidei outras meninas para velejar comigo e ter a mesma oportunidade. Não tenham nenhum tipo de pudor, venham correr a Semana de Vela”, disse a velejadora, que disputará o evento a bordo do Monte Cristo.

Quem irá participar pela sexta vez do evento será Lorena Kreuger, empresária e velejadora. A diretora do estaleiro Kalmar vai correr no veleiro Cangrejo, um barco da categoria Clássico. ”O Cangrejo tem muita história e é famoso pelo alto astral da tripulação, que sabe se divertir acima de tudo. Já participei de cinco semanas de vela, e acho que a mais especial foi a primeira, pois eu tinha 19 anos e fui pra Ilhabela sozinha sem ter barco certo pra velejar. Mas consegui vaga em todos os dias, velejei em três barcos diferentes e me diverti pra caramba”.

As inscrições devem ser feitas no site oficial do evento. Até 20 de junho, o custo será de R$ 320 por velejador. De 21 a 27 de junho passa a ser de R$ 420. As tripulações dos veleiros que ficarem em seus clubes, em amarras próprias ou outros locais fora o Yacht Club Ilhabela terão 20% de desconto no valor da inscrição.

Foto: Lorena Krueger

Assine a revista NÁUTICA: www.shoppingwww.nautica.com.br

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    No NÁUTICA Talks, Paula Vianna mergulha nos desafios da fotografia subaquática

    Vencedora de concursos internacionais, fotógrafa é presença confirmada no Rio Boat Show 2024

    Série de NÁUTICA com família a bordo de barco centenário já tem data de estreia

    Com 10 episódios, “A Europa como você nunca viu” acompanhará um casal, uma criança e um cachorro pelos canais dos Países Baixos

    NÁUTICA Talks: velejador Silvio Ramos palestra sobre "cruzeiro dos sonhos" no rio Amazonas

    Criador do BRally, o empresário contará como foi a circum-navegação, em bate-papo que acontece dentro do Rio Boat Show 2024

    Governo abre inscrições para curso gratuito de Condutor de Turismo Náutico

    Formação, totalmente online, foi criada em parceria do Ministério do Turismo com Universidade Federal Fluminense

    Memória Náutica: relembre como foi o Rio Boat Show 2018

    Das lanchas de entrada aos grandes iates, o público pôde ver de perto opções para todos os gostos e bolsos