Governo da Tailândia permite que visitantes do país passem quarentena obrigatória em iate

Por: Redação -
18/03/2021

Visitantes na Tailândia agora podem passar sua quarentena obrigatória de duas semanas em um iate, como parte de uma tentativa do governo de restabelecer a crucial indústria de turismo do país, de acordo com informações da publicação Nikkei Asia.

Inscreva-se no canal de NÁUTICA no YouTube e ATIVE as notificações

A Agência de Promoção Econômica Digital do governo, junto com parceiros incluindo o grupo de telecomunicações Advanced info Service, anunciou o programa em 8 de março. Isso se acrescenta a uma opção anterior de um campo de golfe, visando impulsionar uma indústria do turismo que conta por cerca de um quinto do PIB (Produto Interno Bruto) da Tailândia.

Visitantes com resultado de teste PCR negativo poderão passar o período de quarentena a bordo de um iate ou navio de cruzeiro de pequeno porte em Pukhet, um destino turístico popular duramente atingido pela pandemia. O programa já começou a aceitar fãs de iate para um teste.

Leia também

» Estaleiro italiano apresenta iate futurista de 88 pés com plataformas laterais dobráveis

» MCP Yachts revela o Global Exp 68, seu primeiro veleiro, que acaba de ir para a água

» Megaiate de 141 metros foi projetado com uma proposta: impressionar

Os participantes devem usar uma pulseira inteligente que monitora sinais vitais, incluindo temperatura e pressão arterial, assim como rastreia a localização do usuário via GPS. O dispositivo pode transmitir informação mesmo no mar, dentro de um raio de 10Km.

A Tailândia proibiu a entrada de turistas estrangeiros em março de 2020 em resposta à pandemia do coronavírus. Enquanto o país reabriu gradualmente para viajantes desde outubro, a quarentena de duas semanas continua sendo um obstáculo para o negócio dependente do turismo.

Enquanto isso, a Associação de Turismo da Tailândia divulgou no domingo (7) que a primeira rodada de turistas a tomar vantagem de um programa de quarentena em campo de golfe concluiu o lockdown de duas semanas. O grupo havia chegado da Coreia do Sul em meados de fevereiro.

Gostou desse artigo? Clique aqui para receber o nosso serviço de envio de notícias por WhatsApp e leia mais conteúdos.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Submarino da Marinha dos EUA utilizado na 2ª Guerra Mundial é encontrado no mar da China

    Embarcação perdida em combate há quase 80 anos estava a 900 metros de profundidade em posição vertical

    Primeira turma de mulheres na Marinha lança livro com vivências e bastidores

    Obra dividida em quatro capítulos relembra o pioneirismo das 307 jovens que se tornaram as primeiras praças na força armada

    Bilionário planeja visita ao Titanic e chama submarino que implodiu de "engenhoca"

    Larry Connor está construindo um submersível capaz de alcançar 3,7 mil metros de profundidade

    Novo aquário da China promete animais marinhos em ambiente de sonho

    Espaço de 140 mil m² prevê receber 3,5 milhões de pessoas por ano a partir de 2027, quando inaugurar

    Teste Solara 380 Bowrider: lancha encanta com amplos espaços e boa navegabilidade

    Muito agradável para uso externo, a nova embarcação tem aberturas laterais na popa, solário triplo e cockpit espaçoso