Primeira vez no barco? Conheça os 10 mandamentos do bom passageiro

Se você nunca pisou em um barco, precisa seguir algumas orientações básicas para não fazer feio. NÁUTICA te ajuda!

Por: Redação -
03/01/2023

Fim de semana de sol e um amigo convida você, marinheiro de primeiríssima viagem, para um passeio de barco.

 

Se não quiser criar nenhum constrangimento, fazer tudo certinho e ainda ser convidado muitas outras vezes para outros passeios com seu amigo (que dependendo do que acontecer a bordo, pode até virar ex-amigo), siga com atenção os 10 tópicos a seguir, que resumem bem o que todo convidado deve fazer ao entrar num barco.

Como se comportar a bordo de um passeio de barco

Tire os sapatos

Em barcos todo mundo deve entrar descalço. É uma questão de limpeza, porque barcos são brancos e esta cor não combina com solas de sapatos.

 

A exceção é para sapatos próprios para uso embarcado mas, mesmo assim, eles não podem andar por ai, fora do barco, ou trarão a mesma sujeira que qualquer outro!

Não leve o amigo junto

Barcos têm espaço limitado e o número de ocupantes não pode ultrapassar o máximo permitido. Imagine, então, se ele já estiver cheio e o último convidado a chegar for você e junto com mais alguém?

Pergunte como funciona o banheiro

Banheiros de bordo têm truques, especialmente nas descargas de vasos sanitários. Assim, antes de passar pelo constrangimento de ter que pedir ajuda numa situação embaraçosa, pergunte logo como a coisa funciona. É bem melhor antes do que depois.

Não passe bronzeador

Bronzeadores são oleosos e gordurosos. E nenhuma destas características combina com o casco branquinho dos barcos e muito menos com os estofamentos. Portanto, esqueça deles enquanto estiver a bordo.

Abuse do protetor solar

Ao contrário dos bronzeadores, protetores solares são absolutamente obrigatórios em qualquer barco. A razão é simples: barcos se movimentam e isso gera vento, que mascara o calor. Mas o sol continua a queimar.

Não exagere na bagagem

Barcos, como já se disse, têm espaço reduzido. Por isso, não leve para bordo absolutamente nada além do estritamente necessário.

 

E, ainda assim, acondicionado em pequenas sacolas ou bolsas macias, dessas que dá para acomodar em qualquer cantinho. Nada de malas rígidas e, muito menos, com rodinhas!

Economize água

Barcos têm tanques de água doce pequenos, por isso é fundamental não desperdiçar água. Deixar a torneira aberta enquanto lava a louça ou tomar longos banhos são coisas que não se deve fazer nem em casa. Que dirá num barco.

Previna-se contra enjoo

Se você tem propensão e sentir algum tipo de mal-estar no mar, tome logo algum medicamento preventivo, antes mesmo de embarcar.

 

Assim, você não estraga o seu passeio e o dos outros também, porque — lembre-se! — quando um vomita, todos vomitam.

 

Sempre consulte um médico antes de tomar qualquer substância contra enjoo e, feito isso, é consenso que eles funcionam bem quando tomados antes de dormir na véspera do passeio e, novamente, pela manhã, antes do embarque.

Ajude nas tarefas

Num barco, sempre há alguma coisa a fazer para ajudar na navegação — seja soltar um cabo ou prender uma boia. Especialmente nos veleiros, que sempre necessitam subir, descer e regular velas. Assim, na medida do possível, tente ajudar. Ou, pelo menos, se ofereça, caso necessário.

Não faça o que não sabe

Na ânsia de querer ajudar na navegação, passageiros leigos muitas vezes acabam criando situações de risco a bordo. Portanto, só se meta a fazer o que sabe.

 

E, se não souber, não tenha vergonha alguma de sempre perguntar ao comandante, que será sempre a única pessoa a ser ouvida a bordo.

 

Seguindo essas dicas você, com certeza, vai ser o convidado perfeito para navegar.

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Minas Gerais ganhará bar flutuante de vinhos na Represa do Funil

    Com o nome de Almas Gerais, iniciativa tem previsão de entrega em julho de 2024 e faz parte do milionário projeto Enovila

    Fotógrafo captura cena impressionante de jubarte atravessando raias: “muito emocionado”

    Imagens que encantaram as redes mostram baleia atravessando enorme cardume de espécie ameaçada de extinção

    Cientistas descobrem que baleias beluga podem se comunicar movimentando a cabeça; assista

    Conclusão veio com o estudo de animais em cativeiro; pesquisadores registraram 5 movimentos diferentes

    Casa de vidro sobre as águas no Texas está à venda por quase R$ 30 milhões; conheça

    Residência fica na cidade de Round Top, cujo último senso registrou população de 91 habitantes

    E-combustíveis para o setor marítimo podem gerar 4 milhões de empregos, diz pesquisa

    Estudo foi encomendado pelo Fórum Marítimo Global e indica que as vagas serão abertas até 2050