49ª Semana de Vela de Ilhabela reunirá crianças e adolescentes de 11 escolas de vela em regata

Por: Redação -
22/06/2022
Crianças em ação no Vela do Amanhã no ano passado (Crédito: Aline Bassi/Acervo SIVI)

A 49ª edição Semana Internacional de Vela de Ilhabela renova o espírito social e de incentivo na formação de jovens talentos para o mundo da vela com a Regata do Amanhã, que acontecerá no dia 25 de julho. A competição, uma das mais importantes da América do Sul, começa no dia 23 e vai até o dia 30 de julho, com sede e realização do Yacht Club de Ilhabela e da Prefeitura Municipal de Ilhabela.

A terceira edição da Regata Vela do Amanhã já tem confirmadas 11 escolas de oito cidades do litoral do Rio de Janeiro (Angra dos Reis e Paraty) e de São Paulo (Ilhabela, Praia Grande, Guarujá, Caraguatatuba, São Sebastião e Ubatuba). As crianças e adolescentes serão recebidas pela manhã com lanches, haverá uma integração entre todas as escolas de vela, uma palestra da comissão de regata e as mesmas serão distribuídas nos barcos juntas de velejadores olímpicos, campeões mundiais e os veleiros mais rápidos e tradicionais de Vela de Oceano, no começo da tarde. Ao fim do dia, os primeiros colocados serão premiados em cerimônia no Yacht Club de Ilhabela.

“O projeto foi formado com intuito de aproximar o velejador da Escola de Vela da classe Oceano. O menino está na Optmist, Dingue, Laser, mas a distância entre uma escola de vela para um barco de Oceano não é pelo tamanho, são mundos diferentes. A escola pega o menino da comunidade da cidade e ensina ele a velejar ao formato de barco monotipo. A Regata Vela do Amanhã é para apresentar o barco de Oceano, além de fazer um trabalho de integrar as escolas. A Escola de Paraty vai conhecer a Escola de Praia Grande, a garotada da BL3 em Ilhabela vai conhecer a de Angra dos Reis, então são dois trabalhos, o de unificação das escolas, trazer a criança dos projetos para conhecer a Vela de Oceano”, conta Cuca Sodré, diretor técnico da Semana Internacional de Vela de Ilhabela.

Crianças e adolescentes reunidas no ano passado (Foto: Fred Hoffmann/Acervo SIVI)

Mauro Dottori, diretor de Vela do Yacht Club de Ilhabela, reforça os objetivos do evento e destaca a revelação de novos talentos: “A Vela do Amanhã é uma ação mais do que social pois visa pegar toda a garotada mais jovem, alguns em situação financeira bem precárias e aproveitar que estão em escolas de vela e dar o gostinho de participar em regata na Semana de Vela. Fizemos no ano passado e foi impressionante o efeito com a criançada. E também visamos a Vela propriamente dita. Temos foco em tirar as crianças e adolescentes de situação de vulnerabilidade e colocar na Vela propriamente dita, pois não estamos mais formando tripulantes. Daí saem grandes campeões como o Alex Kuhl, campeão mundial de Optmist, primeiro e único do Brasil na história. Temos 11 escolas de vela confirmadas, então esperamos poder mostrar ao pessoal o que é bom e devolver para a sociedade o que conseguimos usufruir dela”, disse Mauro Dottori, diretor de Vela do Yacht Club de Ilhabela.

As escolas de vela confirmadas até o momento são: Escola de Vela de Ilhabela, Escola de Vela São Sebastião, Escola Vela Praia Grande, Escola de Vela de Ubatuba, Escola de Vela de Caraguatatuba – Velas ao Vento, Escola de Vela de Paraty, Escola de Vela de Ilha Grande, Escola de Vela de Angra dos Reis, Escola de Vela BL3, Iate Clube de Santos e Secretaria Municipal de Esportes e Lazer do Guarujá.

As inscrições seguem abertas para as classes ORC, BRA-RGS, C-30, HPE-25, Clássicos, Bico de Proa, Mini e Multicasco, e podem ser realizadas no site. O segundo lote com desconto vai até o dia 12 de julho. Já são mais de 85 barcos inscritos faltando ainda cerca de 40 dias para a competição. A programação da competição também consta no site do evento.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Casa de vidro sobre as águas no Texas está à venda por quase R$ 30 milhões; conheça

    Residência fica na cidade de Round Top, cujo último senso registrou população de 91 habitantes

    E-combustíveis para o setor marítimo podem gerar 4 milhões de empregos, diz pesquisa

    Estudo foi encomendado pelo Fórum Marítimo Global e indica que as vagas serão abertas até 2050

    Futurista e feita de titânio: conheça a lancha de 55 pés que parece uma nave espacial

    Com estilo contemporâneo, será a primeira embarcação lançada pelo estaleiro Mirrari, dos Emirados Árabes Unidos

    Litoral de São Paulo e do Rio pode ter ondas de até 3 metros neste sábado (18)

    Alerta da Marinha do Brasil vale para as cidades de Santos e Campos dos Goytacazes; confira dicas de segurança em caso de ressaca marítima

    Projeto na Croácia quer criar cinco vilas ecológicas de luxo à beira mar com direito a barcos elétricos

    Ideia da eD-TEC visa redefinir o conceito de vida de luxo, oferecendo energia solar às moradias durante os 365 dias do ano