Atualização de dados

Por: Redação -
06/05/2016

Termina no dia 9 de maio a Operação de Levantamento Hidrográfico Navegação Segura, realizada pelo Aviso Hidroceanográfico Fluvial (AvHoFlu) “Caravelas”, meio subordinado ao Serviço de Sinalização Náutica do Oeste (SSN-6). A previsão é de que dez cartas náuticas sejam atualizadas com os dados gerados, além de obter elementos para realizar as alterações na sinalização náutica que for necessária.

Na primeira etapa da comissão, estiveram embarcados dois representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), observando os trabalhos relacionados ao Termo de Execução Descentralizada, celebrado entre o Órgão e a Diretoria de Hidrografia e Navegação (DHN). Na etapa que se iniciou em 2 de maio, embarcaram pesquisadores da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS), para realizar correntometria e coletar amostras de fundo.

Durante a Operação, o navio esteve nas cidades de Santo Antônio do Leverger (MT), no Rio Cuiabá e de Cáceres (MT), no Rio Paraguai. Em ambas as cidades, recebeu a visita de membros da Sociedade Amigos da Marinha (SOAMAR), de alunos do Ensino Profissional Marítimo, e esteve aberto à visitação pública. Em Cáceres, o prefeito e a vice-prefeita do município e alguns membros do Ministério Público Federal foram recepcionados a bordo e conheceram o importante trabalho desenvolvido pelo navio.

Foto: Divulgação

Assine a revista NÁUTICA: www.shoppingnautica.com.br

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Armatti Yachts vai exibir três lanchas no Marina Itajaí Boat Show 2024

    Modelos de 30, 37 e 42 pés marcarão presença no evento, que acontece de 4 a 7 de julho

    Por que a tocha olímpica não apaga debaixo d’água? Entenda

    Tradicional revezamento que antecede os Jogos contou com trecho submerso na França, a 20m de profundidade no Mediterrâneo

    Enorme submarino de guerra surge em Santos, no litoral de São Paulo

    Embarcação da Marinha, o Tikuna - S34 chamou a atenção ao atracar com tripulantes sobre o casco

    Quase 1.500 anos: cientistas identificam a planta marinha mais antiga do mundo

    Espécie de alga marinha surgiu no Mar Báltico no período das Invasões Bárbaras, de 375 d.C. a 700 d.C

    Copa Mitsubishi de Vela: 2ª etapa termina com premiação e domingo sem ventos

    Participantes disputaram regatas no sábado, mas premiação aconteceu no dia seguinte sem novas competições