Bons companheiros

17/06/2016

O velejador francês Guirec Soudée, de 24 anos, resolveu dar a volta ao mundo a bordo de seu veleiro de 39 pés Yvinec com uma companhia bem inusitada: uma galinha chamada Monique. A aventura dos dois começou em maio de 2014, e eles ficaram quase um ano ancorado na ilha de St Barthelemy, no Caribe, para ganhar dinheiro e conseguir preparar a viagem para o Oceano Ártico. Atualmente, eles estão na Groenlândia, onde chegaram em agosto de 2015.

“A galinha foi uma escolha ideal. Ela não precisa de muito cuidado e eu conseguiria ovos no mar. As pessoas me disseram que não iria funcionar, que a galinha ficaria muito estressada e não colocaria ovos. Mas não tive nenhum problema, ela colocou os ovos imediatamente”, contou o jovem velejador. A galinha coloca seis ovos por semana, em média, mesmo nos climas mais frios.

Foto: Reprodução

Assine a revista NÁUTICA: www.shoppingnautica.com.br

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Armatti Yachts vai exibir três lanchas no Marina Itajaí Boat Show 2024

    Modelos de 30, 37 e 42 pés marcarão presença no evento, que acontece de 4 a 7 de julho

    Por que a tocha olímpica não apaga debaixo d’água? Entenda

    Tradicional revezamento que antecede os Jogos contou com trecho submerso na França, a 20m de profundidade no Mediterrâneo

    Enorme submarino de guerra surge em Santos, no litoral de São Paulo

    Embarcação da Marinha, o Tikuna - S34 chamou a atenção ao atracar com tripulantes sobre o casco

    Quase 1.500 anos: cientistas identificam a planta marinha mais antiga do mundo

    Espécie de alga marinha surgiu no Mar Báltico no período das Invasões Bárbaras, de 375 d.C. a 700 d.C

    Copa Mitsubishi de Vela: 2ª etapa termina com premiação e domingo sem ventos

    Participantes disputaram regatas no sábado, mas premiação aconteceu no dia seguinte sem novas competições