Com carga única, lancha elétrica acompanhou maratona de 14 horas

Nadadora acompanhada pela lancha Voltari 260 coletou 20 kg de lixo da água enquanto atravessava Biscayne Bay, em Miami

21/05/2023
Foto: Voltari / Divulgação

Motores elétricos estão conquistando cada vez mais adeptos, mas muita gente tem receio de quanta autonomia um barco elétrico pode oferecer. Por conta disso, chama atenção os números alcançados pela Voltari 260. Recentemente, a lancha elétrica ultrapassou 14 horas de navegação com uma única carga de bateria.

A façanha foi cumprida no último mês, acompanhando o trajeto de Merle Liivand, que atravessou a Biscayne Bay, em Miami, nadando. A ação, com intuito de aumentar a conscientização sobre a poluição plástica nas águas, coletou aproximadamente 20 kg de lixo.

Ainda em janeiro, a Voltari já tinha mostrado que suas baterias de 142kWh poderiam lidar com navegações extensas, já que a lancha tinha ido de Key Largo, na Flórida, para Bimini, nas Bahamas. O trajeto de 91 milhas náuticas também foi realizado com uma única carga de bateria, completando 18 horas de percurso pelo oceano.

 

A lancha elétrica tem motor de 550 kW e atinge velocidade máxima de 60 mph. Mas são as baterias da Voltari 260 que possibilitam altas velocidades, longo alcance e autonomia em velocidades mais baixas.

 

A construção do casco da Voltari 260 em fibra de carbono significa uma economia de peso em relação a uma versão de fibra de vidro. “Antes, usávamos a economia de peso para queimar menos gás. Agora, usamos para não queimar gás”, diz Heaps.

 

A lancha elétrica conta com seis baterias no total, colocadas em todo o casco para otimizar o manuseio.  As telas gêmeas Garmin fornecem informações sobre o estado de carga da bateria, alcance, localização, RPMs e outras informações do motor.

 

Outra vantagem do barco elétrico acompanhando maratonas de natação é que a embarcação não libera fumaça nociva ou manchas de combustível para o atleta.

 

“Ficamos muito lisonjeados por sermos convidados a acompanhar Merle e apoiar sua paixão pela limpeza e preservação das vias navegáveis ​​do mundo. É uma grande parte do que nos tira da cama pela manhã”, declarou Cam Heaps, co-fundador da Voltari.

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Cruzeiro nudista pelo Caribe é aposta de empresa dos Estados Unidos; conheça

    Com previsão de lançamento em 2025, viagem sem roupa pelos mares custa a partir de R$ 10 mil, mas tem regras rígidas de convivência

    Robert Scheidt será o embaixador da 51ª Semana Internacional de Vela de Ilhabela

    Maior medalhista da história olímpica do Brasil estará no evento patrocinado pela Mitsubishi de 20 a 27 de julho

    Iate Clube Armação de Búzios anuncia eleitos para a nova gestão; confira

    Em eleição realizada na última segunda-feira (13), o medalhista olímpico Marcos Soares foi nomeado o novo comodoro

    Brasileiro fez imagens inéditas de baleia que quase foi extinta: "indescritível"

    Documentarista flagrou uma das baleias mais rápidas do mundo no mar da Patagônia

    Venda de ingressos para o Marina Itajaí Boat Show 2024 já está aberta; garanta o seu

    Segunda edição do evento está ainda maior, com mais expositores e em formato de circuito 360º sobre a terra e as águas