Governo de SP oferece R$ 4 bilhões em crédito como estímulo ao turismo náutico

Roberto de Lucena anunciou, no 8º Congresso Internacional Náutica, programa de crédito a ser lançado em breve

28/09/2023

Cerca de R$ 4 bilhões serão oferecidos pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio de nove instituições financeiras, em novo programa de crédito que deve ser lançado em breve para incentivar o turismo náutico, com criação de infraestrutura voltada ao setor.

Palavra do Secretário de Turismo e Viagens do Estado de São Paulo, Roberto de Lucena, durante o 8º Congresso Internacional Náutica, evento que integrou a programação do São Paulo Boat Show 2023, maior feira do setor da América Latina.

“O turismo náutico oferece um mar de possibilidades, podendo ser definido como uma alavanca de desenvolvimento econômico e social, com a criação de empregos e de renda. Apesar disso, esse tipo de turismo representa apenas 0,02% do PIB brasileiro. A parte boa é que o potencial a ser explorado é enorme”, disse Lucena, explicando o motivo da criação do programa de crédito, que beneficiará, inicialmente, treze municípios paulistas, com a implantação de estruturas náuticas como píeres e rampas.

 

Os municípios são: Araçatuba, Avaré, Fartura, Mira Estrela, Pederneiras, Pereira Barreto, Piraju, Presidente Epitácio, Rosana, Rubinéia, Sales, Timburi e Três Fronteiras.

 

“A expectativa é que o número de turistas e excursionistas salte de 1,6 milhão para 6 milhões, num prazo de dez anos, com impacto na economia de mais de R$ 2,5 bilhões”, acrescentou o secretário.

O Governo de São Paulo promete também liberar de R$5,6 bilhões para revitalização do Rio Tietê, em cujas águas, ao longo de 1,1 mil km, foi detectado um aumento no índice de poluição.

 

Lucena também destacou ações que vêm sendo estruturadas por meio do Fórum Náutico Paulista e que serão apresentadas ao Governo até o dia 15 de novembro. Tudo isso para a implantação do Plano Estadual de Desenvolvimento do Turismo Náutico.

Além disso, São Paulo e Paraná — por meio Roberto de Lucena e do secretário de Turismo do Paraná, Marcio Nunes — selaram parceria, com a assinatura de um protocolo de intenções, para fomentar turismo na chamada “Angra Doce”.

 

A região, que fica no conjunto formado pela Represa de Chavantes e seu entorno, abrangendo 15 municípios, é propícia à prática de esportes como rafting, canoagem, trekking, asa delta, voo livre, paraglider, parapente, além de passeios náuticos e pesca esportiva.

Confira os temas do 8º Congresso Internacional Náutica

Eduardo Bekin: Case Porto Barão de Tefé, Antonina/PR

Roberto de Lucena: Desenvolvendo o Turismo Náutico no Estado de SP

Aguilar Junior: Novo molhe de Caraguatatuba

Carlos Henrique Sobral: Turismo Náutico Brasileiro

Alessandro Miranda: Turismo Náutico Águas Interiores

Vinicius Lummertz: Turismo das Águas

Adriano Silva: Turismo Náutico em Joinville

Silvia Fernandes: Case da Marina VillaReal

Rubens José Belão: Turismo Náutico no Interior Paulista

 

Paulo Fax: Hidrovia Tietê Paraná 2023

Noeli Thomé: Píer Turístico de Itapema

Michele Castilho: Bandeira Azul nas Marinas e Praias

Pedro Bório: Visão Internacional: Eventos em Turismo Náutico

Jamille Consulin: Legislação Ambiental

 

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    E-combustíveis para o setor marítimo podem gerar 4 milhões de empregos, diz pesquisa

    Estudo foi encomendado pelo Fórum Marítimo Global e indica que as vagas serão abertas até 2050

    Futurista e feita de titânio: conheça a lancha de 55 pés que parece uma nave espacial

    Com estilo contemporâneo, será a primeira embarcação lançada pelo estaleiro Mirrari, dos Emirados Árabes Unidos

    Litoral de São Paulo e do Rio pode ter ondas de até 3 metros neste sábado (18)

    Alerta da Marinha do Brasil vale para as cidades de Santos e Campos dos Goytacazes; confira dicas de segurança em caso de ressaca marítima

    Projeto na Croácia quer criar cinco vilas ecológicas de luxo à beira mar com direito a barcos elétricos

    Ideia da eD-TEC visa redefinir o conceito de vida de luxo, oferecendo energia solar às moradias durante os 365 dias do ano

    Criança de 11 anos encontra fóssil de ictiossauro pré-histórico, o maior réptil marinho que já existiu

    Com a companhia do pai e pesquisadores, garota ajudou a desvendar a vida marinha de 200 milhões de anos atrás