O que os palestrantes disseram no primeiro dia do 4º Congresso Náutica de Investimento em Turismo Náutico

Por: Redação -
28/09/2018

Para discutir os entraves ao desenvolvimento do turismo náutico no Brasil — e as maneiras de superá-los —, especialistas de diversas áreas participaram do 4º Congresso NÁUTICA, que indicou os caminhos a percorrer, durante o São Paulo Boat Show 2018. O evento, exclusivo para convidados, aconteceu nos dias 27 e 28 de setembro, e é o único encontro nacional do setor que promove a cadeia náutica por meio das prefeituras com o objetivo de gerar renda e desenvolver o turismo náutico local. O congresso serviu também para a troca de cartões e experiências, visando a ajuda mútua a fim de implantar e, em seguida, incrementar o turismo náutico, atividade que tem tudo a ver com um país com as dimensões — e volume de água — que o Brasil possui. Veja o que alguns palestrantes disseram no primeiro dia do 4º Congresso Náutica de Investimento em Turismo Naútico:

“É preciso desmistificar o turismo náutico. Ele precisa ser reconhecido como de utilidade pública e não coisa de rico”.

“Quem fabrica os barcos são pessoas e não robôs. Portanto, cada barco produzido significa diretamente empregos”.

“No Dia Mundial do Turismo, vamos tratar aqui de um tipo de turismo que o Brasil ainda desconhece: o turismo náutico”.

Ernani Paciornik, presidente do Grupo Náutica

“Digo por experiência própria, com base no estou vendo aconteceu na minha cidade: vale muito a pena investir em turismo náutico”.

“No ano passado, vim neste congresso e levei a ideia do fórum de turismo náutico para a minha região. Hoje, ele não só está implantado como já rende frutos”.

Roberto Justus, prefeito de Guaratuba, PR

“A Câmara de vereadores de Florianópolis aprovou, esta semana, a abertura de concessão para a construção de uma grande marina, com um parque integrado, na nossa cidade. Mas foi preciso esperar sete anos por isso”.

“Com a nova marina, Floripa deixará de dar as costas para o mar, como acontece em tantas outras cidades do nosso litoral”.

Vinicius de Lucca, secretário de turismo de Florianópolis

“O turismo náutico faz parte de algo maior que é a ´economia do mar´. Ou seja, a capacidade de usar nossas águas para gerar riquezas”.

“O brasileiro é um povo informal, mas, ao mesmo tempo, conservador e refratário a mudanças. Isso alimenta a burocracia, que, por sua vez, emperra tudo”.

“A carta preparada pelo Fórum Náutico Paulista pedindo apoio ao turismo náutico é uma legítima pressão de um setor que precisa crescer”

Vinicius Lummertz, ministro do turismo

“Nosso mapeamento náutico do estado de São Paulo mostrou que a indústria e o comércio do setor não estão mal, mas os serviços, tanto diretos quanto indiretos, precisam aumentar em quantidade. Faltam marinas”

Luís Bertozi, presidente da Lidera Consultoria

“Turismo náutico não é só passeio. É uma atividade econômica”.

“O turismo é o grande potencial do Brasil. Tanto que todos os candidatos a Presidente do país tem propostas para o tema. Mas é preciso olhar, também, para as nossas águas”.

“Em vez de tentar atrair fábricas de barcos, as cidades deveriam atrair o turismo náutico, que é bem mais fácil. O resultado econômico será o mesmo”.

“Só o rio Tietê tem quase 1 000 quilômetros navegáveis e com uma qualidade de água difícil de acreditar. O turismo náutico é muito mais do que apenas o mar”.

“Pesquisas mostram que o turista hoje busca experiências únicas. E o que é mais único para os brasileiros, que ainda desconhecem esse tipo de turismo, do que o náutico?

Marco Antonio Castello Branco, presidente do Fórum Náutico Paulista

“É preciso ter infraestrutura adequada para receber massas de turistas que chegam pela água. Como os navios de cruzeiro. Não se pode transformar os moradores em vítimas disso”

“Para contornar o problema do excesso navios de cruzeiro em nossa cidade, limitamos a quantidade e escalonamos os horários de chegada e partida deles, porque não estávamos entregando a qualidade de serviços esperados pelos turistas”

Mato Frankovic, prefeito de Dubrovnik, Croacia

Fotos: Josy Andrade

Quer conferir mais conteúdo de NÁUTICA?
A edição deste mês já está disponível nas bancas, no nosso app
e também na Loja Virtual. Baixe agora!
App Revista Náutica
Loja Virtual
Disponível para tablets e smartphones

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Casa de vidro sobre as águas no Texas está à venda por quase R$ 30 milhões; conheça

    Residência fica na cidade de Round Top, cujo último senso registrou população de 91 habitantes

    E-combustíveis para o setor marítimo podem gerar 4 milhões de empregos, diz pesquisa

    Estudo foi encomendado pelo Fórum Marítimo Global e indica que as vagas serão abertas até 2050

    Futurista e feita de titânio: conheça a lancha de 55 pés que parece uma nave espacial

    Com estilo contemporâneo, será a primeira embarcação lançada pelo estaleiro Mirrari, dos Emirados Árabes Unidos

    Litoral de São Paulo e do Rio pode ter ondas de até 3 metros neste sábado (18)

    Alerta da Marinha do Brasil vale para as cidades de Santos e Campos dos Goytacazes; confira dicas de segurança em caso de ressaca marítima

    Projeto na Croácia quer criar cinco vilas ecológicas de luxo à beira mar com direito a barcos elétricos

    Ideia da eD-TEC visa redefinir o conceito de vida de luxo, oferecendo energia solar às moradias durante os 365 dias do ano