Conheça a história do navio quebra-gelo soviético que se tornou um luxuoso megaiate explorador

Por: Redação -
02/01/2022

O navio Legend conta uma história um tanto quanto peculiar: antigo quebra-gelo soviético, de 77 metros (252 pés), veio da Guerra Fria e acabou se tornando um luxuoso megaiate explorador.

 

Lançado em 1974 como um rebocador quebra-gelo do estaleiro holandês IHC Verschure, a embarcação mudou sua atividade principal em 2016, quando passou a ser propriedade de Jan Verkerk.

megaiate legend

Inscreva-se no canal de NÁUTICA no YouTube e ATIVE as notificações

Essa mudança aconteceu depois de 12 meses de reforma, no estaleiro holandês Icon Yachts. O proprietário já havia passado anos explorando a Antártica a bordo de outra embarcação, quando viu a oportunidade tanto de adicionar um grande potencial à sua frota, quanto de entrar no mercado de expedição: o Legend.

 

“Ele foi construído como um quebra-gelo de Classe 1 — um quebra-gelo, não apenas de Classe de Gelo. Isso é algo importante, assim como sua eficiência de combustível razoável e sua estrutura óbvia segura e sólida”, explica Verkerk. “Consegui criar um navio que pode ir a qualquer lugar do mundo, mas também fornecer os luxos que se tornaram padrão na indústria de megaiates”.

megaiate legend

Jan também contou que uma característica da embarcação que ele valoriza muito é o fato dela ter sido construída para a União Soviética durante a Guerra Fria, principalmente pela solidez da aparência externa. Além disso, o calado (de 6,4 metros) e o peso são duas vezes maiores que dos megaiates de seu comprimento.

 

O relato é de que, ao final da reforma no estaleiro Icon, 100 toneladas de aço e alumínio novos foram adicionadas. As principais mudanças estruturais colocam a função em primeiro lugar.

megaiate legend

A popa foi alongada em 3,6 metros, permitindo não apenas uma nova plataforma, mas também uma piscina para 16 pessoas. Legend ganhou, ainda, um heliponto de padrão comercial no convés do proprietário, adequado para um Eurocopter EC135 de seis pessoas.

 

Haverá também um helicóptero menor, para emergências. Também foi equipado com sistemas de extinção de incêndio de última geração, um tanque de armazenamento de helifuel de oito toneladas e sistemas de bunker.

Para manusear todos esses apetrechos, além da tripulação regular de 19 pessoas, foi necessário adicionar uma equipe de expedição de 10 pessoas. Dentre elas, piloto de helicóptero, médico, líderes da expedição, naturalistas e assim por diante.

 

Quanto aos hóspedes, o número máximo de convidados permitidos é de 26 pessoas, dividas em 13 camarotes (um camarote master, com cama king size e casa de banho com chuveiro e lavatório, 2 camarotes VIPs, com cama queen size e banheiro com chuveiro e lavatório, e outros 10 camarotes duplos).

As acomodações dele são projetadas em torno das grandes cidades, com cada quarto contendo um elemento da cidade que lhe deu o nome– Jan Verkerk

Leia mais:

» Porto Rotondo abriga uma das melhores marinas do mundo. Saiba mais sobre o local

» Família Real Britânica prevê aumentar sua frota com novo megaiate. Saiba mais

» Birmingham, no Reino Unido, será palco para novo salão náutico em 2022

megaiate legend

O novo layout do flybridge pretende refletir a atmosfera dos antigos navios de passageiros. Assim, os consoles foram desenhados de forma independente. Dessa forma, é possível realmente ir até a janela em frente aos consoles e ver a vista.

 

A garagem também foi estendida para abrigar dois jets e um submarino explorador, com capacidade para 3 pessoas: ele pode mergulhar a 300 metros com dois convidados e um piloto, e fazer sete mergulhos de 45 minutos por dia.

megaiate legend

Em termos de casa de máquinas, como diz Jen Wartena, CEO da Icon Yachts, “as únicas coisas que ainda são as mesmas são os belos e muito poderosos motores principais, caixa de câmbio, eixo e hélice. É realmente impressionante vê-los e é sensato mantê-los como parte da história do barco. Eles certamente funcionam bem em conjunto com o casco”. As alterações foram: estabilizadores recondicionados e o novo software.

 

Como o objetivo do novo proprietário é realizar viagens para a Antártida, é importante observar que o Legend está em conformidade com o Código Polar da IMO, que entrou em vigor em 2017 e abrange medidas de segurança e proteção ambiental para embarcações que se aventuram em águas polares definidas.

megaiate legend

Por outro lado, o layout foi totalmente mudado. “Do convés principal para cima, os interiores luxuosos foram quase todos substituídos — os salões, um VIP, a área do proprietário, a nova casa do leme e a cabine do capitão”, diz Wartena. Apenas quatro dos camarotes de hóspedes originais permanecem, e foram totalmente remodelados.

 

O design interno foi desenhado pelo próprio dono, em parceria com a Verkerk Yachting Projects. “Nosso principal objetivo era que, a cada porta que você abre, você diga ‘uau’ ”, diz a terceira e última empresa participante dessa porção do projeto, a Beerens.

megaiate legend

O megaiate ainda conta com bar, sala de charutos, extensas bibliotecas, cinema com 14 lugares, sala de TV, academia, e espaço para jantar no grande salão que promete muito aconchego (contando, inclusive, com lareira ornamentada).

 

Em um nível acima, o salão do convés do barco à popa é um espaço interno-externo moderno e leve que dá a sensação de relaxar ao ar livre, mesmo quando as condições não permitem realmente se aventurar no convés.

 

 

Não perca nada! Clique aqui para receber notícias do mundo náutico no seu WhatsApp.

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Catamarã elétrico de startup vence concurso e fará parte da autoridade marítima de Singapura

    Embarcação participa do projeto singapurense que pretende acabar com emissões portuárias até 2050

    Casas flutuantes em alta: conheça as mais luxuosas do mundo

    Inspire-se com cinco modelos das moradias sobre as águas que estão fazendo a cabeça dos milionários

    Com dois barcos de 19 pés, Ross Mariner mostra lançamento no Rio Boat Show 2024

    Boas opções de entrada, embarcações estarão no salão, de 28 de abril a 5 de maio, na Marina da Glória

    NÁUTICA Talks recebe Marina Bidoia, mais jovem velejadora a concluir a Refeno

    Velejadora realizou o trajeto Recife-Fernando de Noronha aos 24 anos, e vai levar experiência ao Rio Boat Show 2024

    Posto flutuante da rede Golfinho estará no Rio Boat Show 2024

    Loja de conveniência batizada de WayPoint também será apresentada de 28 de abril a 5 de maio, na Marina da Glória