10 criações que mudaram os barcos e a vida de seus donos na última década

05/02/2015

Desde os primórdios, o meio náutico faz parte da nossa vida, mesmo que indiretamente. Com o passar do tempo, é claro que, tanto os barcos quanto seus acessórios, equipamentos e itens que o constituem sofreram grandes mudanças. Modernizações que interferiram diretamente em sua utilização e que tornaram muito mais fácil pilotar, passear, ter um barco. NÁUTICA listou dez destas inovações transformadoras:

1- Joystick – Sistema para motores de popa ou centro-rabeta que permite manobrar as lanchas com a ponta dos dedos, como nos videogames, com movimentos para frente, para trás e para os lados.

2 – Diesel náutico – Feito especialmente para barcos de lazer, o Verana, da Petrobras, oferece muitas vantagens. Tem cinco aditivos, contra zero do comum, polui menos e rende mais.

3- Eletrônicos multifunção – Com recursos como gps, sonda, radar, piloto automático e plotter integrados em um só aparelho, podem até comandar o barco sozinho. Basta tocar na tela touchscreen.

4- Aplicativos para smartphone – Permitem baixar cartas náuticas, entre outras funções, e transformar o celular em um chartplotter, tornando a vida a bordo ainda mais prática.

5- Tecnologia sem fio – A comunicação por wi-fi ou bluetooth, que permite que os eletrônicos dialoguem entre si, controlados pelo celular, saiu do âmbito da informática para embarcar no mundo náutico.

6- Cascos coloridos – Amarelo, vermelho, preto e até rosa! O branco nunca saiu de moda, mas, seguindo uma tendência mundial, os estaleiros brasileiros descobriram o maravilhoso mundo das cores.

7- Sistema IPS – O revolucionário sistema de propulsão da Volvo permite que o barco consiga 20% mais de velocidade, com a mesma potência na motorização, gastando 30% menos combustível.

8- Teca sintética – O revestimento sintético para pisos de barcos é leve, não apodrece e tem praticamente a mesma textura da madeira teca tradicional.

9- Vidros e janelas maiores – No lugar das vigias e gaiutas acanhadas, as lanchas ganharam grandes janelas laterais e teto solar no salão, que garantem mais luminosidade natural.

10- Carta náutica digital – Permite a navegação em tempo real e oferece todos os recursos necessários para uma viagem segura, confiável e muito prática.

Foto: arquivo Náutica

 

Curta a revista Náutica no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece no mundo náutico.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    EUA enviam ao Rio de Janeiro porta-aviões gigante de 333 metros; entenda

    USS George Washington atracou no Brasil como parte da operação Southern Seas, que visa incentivar a cooperação entre os países

    Em fase final de testes, Aquabus de Ilhabela transportaram 1,5 mil pessoas no fim de semana

    Novo sistema de transporte aquaviário contará com três catamarãs e capacidade para 60 pessoas em cada viagem; data de inauguração ainda não foi divulgada

    Italiana Rossinavi lança catamarã híbrido-elétrico de 43 metros

    Modelo nasce como “projeto mais inovador” do estaleiro, com tecnologias sustentáveis e até uso de Inteligência Artificial

    Schaefer Yachts anuncia barco que não afunda, ideal para resgates em alto-mar

    Com o nome de Interceptor 48 Pilot, novidade é fruto de parceria com a empresa irlandesa Safehaven Marine

    Criatura de 18 metros está impactando a cadeia alimentar da vida marinha; entenda

    Gelatinoso e transparente, os "picles do mares" causam perturbações no ecossistema durante as ondas de calor oceânicas e preocupam cientistas