Após Patagônia, Recife é próxima parada de regata de volta ao mundo

Globe 40 reúne veleiros da Classe 40 em travessia de 30 mil milhas náuticas percorridas durante nove meses

Por: Redação -
10/01/2023
Fotos: Globe 40/Divulgação

Sete meses após seu início em Tanger, no Marrocos, a regata de volta ao mundo Globe 40 – La Grande Route agora está a caminho do Brasil. A competição, que reúne veleiros da Classe 40, deu largada à etapa Recife no último domingo (8).

Após saírem de Ushuaia, na Patagônia argentina — extremo sul da América do Sul –, os velejadores deverão chegar à capital de Pernambuco a partir do dia 25 de janeiro. O público poderá acompanhar toda a movimentação.

Esta será a única parada no Brasil das embarcações da Globe 40, que vão passar de 10 a 15 dias em nosso país.

Também estão programadas várias atividades durante o período em que os competidores estiverem no Recife, como visita aos barcos (nos dias 28 e 29 de janeiro), regata in-shore no Marco Zero e apresentações culturais.

Haverá ainda eventos fechados para convidados, patrocinadores e competidores. A etapa Recife se encerra no dia 5 de fevereiro, com os barcos seguindo rumo a Granada, no Caribe — a sétima e última parada, antes da chegada final em Lorient, na França.

30 mil milhas náuticas em nove meses

A Globe 40 é uma regata de volta ao mundo de barcos da Classe 40, que garantem disputas acirradas. A competição tem, ao todo, 30 mil milhas náuticas, percorridas durante nove meses – desses, são 140 dias no mar.

Esse evento é a porta de entrada para que Pernambuco se torne uma parada de outras regatas internacionais de volta ao mundo, além de uma excelente oportunidade para o turismo náutico para a cidade – Yannick Ollivier, presidente da FPVela

 

A partida aconteceu em 26 de junho do ano passado, em Tânger, no Marrocos, com a chegada em Lorient (França) prevista para 13 de março de 2023. O percurso inclui paradas em Cabo Verde (África), Ilhas Maurício (Oceano Índico), Auckland (Nova Zelândia), Tahiti (Polinésia Francesa), Ushuaia (Patagônia), Recife (Brasil) e Granada (Caribe).

A Globe 40 é uma realização da empresa francesa Sirius Events, com suporte na organização da etapa de Recife da Federação Pernambucana de Vela (FPVela), apoio do Cabanga Iate Clube de Pernambuco e Consórcio Porto Novo, com patrocínio da Prefeitura do Recife, Qair Brasil e Marina Recife. Mais informações sobre a competição no site da Globe 40.

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    EUA enviam ao Rio de Janeiro porta-aviões gigante de 333 metros; entenda

    USS George Washington atracou no Brasil como parte da operação Southern Seas, que visa incentivar a cooperação entre os países

    Em fase final de testes, Aquabus de Ilhabela transportaram 1,5 mil pessoas no fim de semana

    Novo sistema de transporte aquaviário contará com três catamarãs e capacidade para 60 pessoas em cada viagem; data de inauguração ainda não foi divulgada

    Italiana Rossinavi lança catamarã híbrido-elétrico de 43 metros

    Modelo nasce como “projeto mais inovador” do estaleiro, com tecnologias sustentáveis e até uso de Inteligência Artificial

    Schaefer Yachts anuncia barco que não afunda, ideal para resgates em alto-mar

    Com o nome de Interceptor 48 Pilot, novidade é fruto de parceria com a empresa irlandesa Safehaven Marine

    Criatura de 18 metros está impactando a cadeia alimentar da vida marinha; entenda

    Gelatinoso e transparente, os "picles do mares" causam perturbações no ecossistema durante as ondas de calor oceânicas e preocupam cientistas