Etapa de Miami da Copa do Mundo abre o calendário 2019 de vela

Por: Redação -
28/01/2019

Com campeões olímpicos e mundiais na água e novidades de peso do lado de fora, a Equipe Brasileira de Vela estreia nesta terça-feira, dia 29, na primeira grande competição internacional de classes olímpicas de 2019. A etapa de Miami abre o ano no circuito da Copa do Mundo da World Sailing (Federação Internacional de Vela), no City of Miami Regatta Park. Ao todo, 10 velejadores brasileiros estão inscritos, e a delegação também tem atrações nos botes de apoio.

Além do técnico espanhol Javier Torres, campeão olímpico com Martine Grael e Kahena Kunze nos Jogos Rio 2016, que volta a acompanhar de perto a dupla da 49er FX, João “Joca” Signorini é o novo treinador da Finn. Ele vai trabalhar com Jorge Zarif, campeão mundial da classe em 2013 e campeão mundial de Star no ano passado.

“Para mim, ser treinador do Zarif é uma honra muito grande. Miami é o primeiro campeonato do ano após uma longa parada para todos os velejadores. Lá vamos entender quem fez uma boa preparação para o início da temporada e definir melhor quais as áreas de trabalho para a temporada da Europa, onde teremos muitos campeonatos sucessivos”, explicou.

Joca traz para a delegação uma vasta experiência como velejador de classes olímpicas e de oceano. Na Finn, representou o Brasil como atleta nos Jogos de Atenas 2004 e treinou o grego Ioannis Mitakis no Rio 2016. Além disso, tem um currículo vitorioso na Regata de Volta ao Mundo (Volvo Ocean Race). É o brasileiro com mais vitórias em etapas da regata, com o total de nove em três diferentes equipes (2005/06, 2008/09 e 2011/12). Ao lado de Torben Grael, foi campeão da Volvo na edição 2008/09.

LEIA TAMBÉM
>>Nova lancha de 30 pés da Armatti Yachts foi pensada para quem está começando
>>#tbt: Coral Angra 28, a primeira lancha com proa aberta e cabine
>>Comodoria e diretoria do Clube dos Jangadeiros tomou posse nesta semana

“O fato de eu ter sido treinador na Finn no Rio 2016 me ajuda, pois estou atualizado, principalmente porque a classe é muito técnica na parte de escolha e desenvolvimento de material”, acrescenta.

Na água, os velejadores brasileiros vão em busca do melhor ritmo neste começo de ano. Campeãs da Midwinter Regatta em Miami na semana passada, Martine Grael e Kahena Kunze esperam um desafio ainda maior na Copa do Mundo.

“Mais meninas boas vão estar na raia, e nossa expectativa é tentar manter uma boa média nas regatas e fazer um bom campeonato”, disse Kahena.

No histórico em etapas da Copa do Mundo (desde 2009), o Brasil soma 47 medalhas, sendo 27 de ouro, 11 de prata e nove de bronze.

Fotos: Jesus Renedo

Os seguintes velejadores brasileiros estão inscritos para a etapa de Miami:

CLASSE NOME
Laser João Pedro Souto de Oliveira
Laser Radial Gabriella Kidd
Nacra 17 Samuel Albrecht/ Gabriela Nicolino
Finn Jorge Zarif
49er Marco Grael/ Gabriel Borges
49er FX Martine Grael/ Kahena Kunze
RS:X Feminina Bruna Martinelli

 

Quer conferir mais conteúdo de NÁUTICA?
A edição deste mês já está disponível nas bancas, no nosso app
e também na Loja Virtual. Baixe agora!
App Revista Náutica
Loja Virtual
Disponível para tablets e smartphones

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Teste Solara 380 Bowrider: lancha encanta com amplos espaços e boa navegabilidade

    Muito agradável para uso externo, a nova embarcação tem aberturas laterais na popa, solário triplo e cockpit espaçoso

    Novo jet elétrico do Batman traz ficção à vida real em embarcação de luxo limitada

    Batizado de Maverick GT Stormy Knight, 27 unidades do jet serão comercializadas pela própria Wayne Enterprises

    Na Espanha, praia de areia preta já abrigou espiões da Guerra Fria e hoje é point de turistas

    Playa de Puerto Naos contrasta escuridão da areia com azul do mar e simpáticos prédios coloridos, além de ostentar o selo Bandeira Azul

    Dupla brasileira disputará volta ao mundo de veleiro na Globe 40

    Desafio chega à segunda edição como o mais forte em duplas dentro da modalidade

    Na popa de superiate, Bugatti atrai olhares durante GP Mônaco de Fórmula 1

    Pelo 2º ano, influenciador içou carro de luxo para dentro de embarcação -- dessa vez, uma 170 pés