NÁUTICA Talks recebe Marina Bidoia, mais jovem velejadora a concluir a Refeno

Capitã realizou o trajeto Recife-Fernando de Noronha aos 24 anos, e vai levar experiência ao Rio Boat Show 2024

12/04/2024
Foto: Arquivo Pessoal

Em 2023, aos 24 anos, Marina Bidoia Gerdullo se tornou a mais jovem a concluir, sozinha, a Regata Recife-Fernando de Noronha (Refeno), em um trajeto de 300 milhas náuticas (cerca de 560 quilômetros). E como a capitã é gente do mar, seu lugar está reservado para palestrar no NÁUTICA Talks, evento que acontece dentro do Rio Boat Show 2024.

O bate-papo com a velejadora vai compor a programação da histórica 25ª edição do Rio Boat Show — realizada de 28 de abril a 05 de maio, na icônica Marina da Glória. Por lá, no dia 1º de maio, às 15h, Marina Bidoia vai conduzir sua palestra a partir do tema “O desafio de velejar sozinha até Fernando de Noronha.”

Foto: Tsuey Lan Bizzocchi / Divulgação

Arquiteta especializada na área da construção naval, aos 22 anos Marina se tornou capitã amadora pela Marinha do Brasil. A bordo do veleiro Minina, a paulistana navegou por 52 horas e 46 minutos de Recife a Fernando de Noronha, uma aventura solitária, mas que a velejadora sempre sonhou em realizar.

 

O trajeto teve contratempos, incluindo um trinco no casco da embarcação, pouco após sua partida. No final, tudo deu certo, e é essa experiência que Marina Bidoia agora compartilhará com o público do Boat Show do Rio.

Foto: Arquivo Pessoal

Além da marca histórica na Refeno, Marina Bidoia soma mais de 5 mil milhas náuticas navegadas, e desenvolve pesquisas e projetos sobre espaços que unem o mar e a terra, focando na cultura náutica brasileira e na preservação do meio ambiente, bem como atua no incentivo para que mais mulheres participem do esporte.

Foto: Arquivo Pessoal

Realizadas pela Revista Náutica, as palestras do Náutica Talks têm entrada aberta a todos os visitantes do evento náutico mais charmoso da América Latina.



No ciclo de palestras do Rio Boat Show, mais de 40 convidados especiais vão comandar os Talks. Ao longo dos oito dias de programação, visitantes poderão ouvir histórias de gente do mar, ficar por dentro de dicas náuticas e conhecer o que de mais intrigante esse universo tem a oferecer.

 

Você pode receber a programação completa das palestras e outras atrações no site do Rio Boat Show.

Rio Boat Show 2024

Evento náutico mais charmoso do Brasil, o Rio Boat Show chega a sua 25ª edição recheado do que de melhor esse lifestyle pode oferecer. As águas da Baía de Guanabara, na Marina da Glória, recebem o evento entre os dias 28 de abril e 5 de maio. Por lá, o grande público poderá ver de perto os principais lançamentos e destaques do mercado náutico com barcos na água e test-drive de embarcações.

O repertório é grande: lanchas, veleiros, iates, jets, motores, equipamentos, acessórios, decoração e serviços náuticos estarão reunidos em um só lugar, ao lado de especialistas do setor, preparados para auxiliar todos os visitantes. Além disso, o Rio Boat Show exibe destinos náuticos, artigos de luxo e quadriciclos.

 

O público da 25ª edição do evento terá ainda atrações diversas, como palestras, desfile de moda e o tradicional Desfile de Barcos — em que os modelos de destaque do evento navegam pela Baía de Guanabara, junto com um show de luzes, música e até mestre de cerimônia.

Anote aí!

RIO BOAT SHOW 2024
Quando: De 28 de abril a 5 de maio;
Horário: De segunda a sexta-feira, das 15h às 22h | sábado e domingo, das 13h às 22h;
Onde: Marina da Glória (Av. Infante Dom Henrique, S/N, Glória);
Ingressos: site oficial de vendas
Mais informações: rioboatshow.com.br.

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Tanzanite: megaiate de 120 metros será um dos maiores já feitos na Holanda

    Novo carro-chefe do estaleiro Amels, embarcação de luxo será uma das maiores já feitas na Holanda

    Adegas rifam vinho de R$ 5 mil, envelhecido no fundo do mar, para ajudar RS

    Empresas já arrecadaram mais de R$ 100 mil com bilhetes vendidos a R$ 10 cada

    Temporada de baleias: confira regras e onde avistar o animal no Brasil

    De junho a novembro, cetáceos saem da Antártica em busca das águas brasileiras para se reproduzirem

    Cidade perdida no meio do Pacífico tem localização remota e mistério sobre sua construção

    Localizada sobre um recife de corais, a cidade perdida de Nan Madol tem fama de "amaldiçoada" e intriga cientistas

    Registro raro: lula de mar profundo ataca câmera com tentáculos “acesos”; assista

    Filmagem mostra animal sendo atraído por isca presa a uma câmera a mais de mil metros de profundidade no Pacífico Sul