Omã sediará 50º Campeonato Mundial de Vela Juvenil ainda este ano

Por: Redação -
22/06/2021

A Oman Sail e a World Sailing anunciaram que a 50ª edição do Campeonato Mundial de Vela Juvenil será realizada no grande hotel Mussanah Sports City, no país da Península Árabe, de 11 a 18 de dezembro de 2021.

A World Sailing recebeu duas propostas para sediar o Mundial Juvenil de 2021, com Omã selecionado à frente de Valletta, em Malta. A análise ficou sob a responsabilidade de um painel de avaliação até chegar à aprovação final, dada pelo Conselho de Diretores.

O Mussanah Sports City já foi palco de vários eventos olímpicos de vela, incluindo o Campeonato Mundial de Laser em 2013 e o RS: X World Championships, em 2015. Em abril deste ano, o local sediou o 2021 Mussanah Open Championship, um evento de qualificação em Tóquio 2020 para os africanos e nações asiáticas.

Mussanah Sports City
Mussanah Sports City

Ele é conhecido por suas condições de navegação de alta qualidade durante todo o ano. Durante dezembro, as temperaturas devem ficar em torno de 24 graus celsius em média, enquanto a força média do vento deve ficar em torno de 10 a 17 nós.

Comentando sobre o evento, o Dr. Khamis Al Jabri, CEO da Oman Sail, disse: “Estamos muito satisfeitos por termos sido escolhidos como país anfitrião do Campeonato Mundial Juvenil de Vela de 2021, após um processo de candidatura muito competitivo”.

Ele continua: “Omã tem um histórico comprovado de hospedagem de grandes eventos esportivos internacionais, e estamos ansiosos para receber os melhores jovens velejadores de todo o mundo para experimentar a lendária hospitalidade e as águas majestosas do Sultanato ainda este ano. Com suas excelentes instalações marítimas, Mussanah é internacionalmente reconhecida como um destino líder para eventos de vela”.

dr khamis ceo oman sail

Leia também

» Barcos de Ilhabela e Ubatuba lideram primeiro fim de semana do Circuito Ilhabela 

» 1ª etapa do XXI Circuito Ilhabela começa neste sábado no litoral norte paulista

» Brasileiros da Classe Optimist estão na Europa em busca de medalhas

Quanhai Li, presidente da World Sailing, acrescenta: “Nas últimas cinco décadas, os Campeonatos Mundiais Juvenis de Vela proporcionaram a jovens atletas de todo o mundo a oportunidade de mostrar seu talento e se testar contra os melhores adversários”.

“O Mundial da Juventude também permite que os jovens velejadores aprendam sobre a importância do esporte e da competição justa, e construam amizades duradouras com pessoas de todos os cantos do mundo. É um evento extremamente importante em nosso calendário e estou confiante de que Oman Sail fará um show fantástico”, completa o presidente.

Quanhai Li ceo-world-sailing

David Graham, CEO da World Sailing, afirma: “Os velejadores do Youth Worlds são as futuras estrelas do nosso esporte e nosso objetivo é proporcionar a eles a melhor experiência possível. Ficamos realmente impressionados com as propostas de Omã e Malta, e foi uma escolha difícil para o painel de avaliação, com ambas as instalações demonstrando experiência para sediar um campeonato memorável. As excelentes instalações e condições de navegação de Omã ajudarão a tornar este Mundial da Juventude memorável para todos os envolvidos”.

O último Campeonato Mundial de Vela Juvenil foi realizado em Gdynia, Polônia, em 2019, quando 409 velejadores de 66 nações competiram em nove eventos juvenis, incluindo as divisões masculino e feminino do 29er, 420, RS: X e Laser Radial, bem como o Misto Multihull, o Nacra 15.

Campeonato Mundial de Vela Juvenil, em Gdynia, Polônia, no ano de 2019
Campeonato Mundial de Vela Juvenil, em Gdynia, Polônia, no ano de 2019

O 2020 Youth Worlds estava programado para ser realizado em Salvador, no Brasil, em dezembro de 2020, mas o evento foi cancelado devido à pandemia de Covid-19.

De acordo com Oman Sail, o planejamento da edição deste ano do evento levou em consideração todas as precauções relevantes exigidas para todos que viajam para Omã, com mais informações sobre o evento a serem anunciadas em devido tempo.

Por Naíza Ximenes, sob supervisão da jornalista Maristella Pereira.

Não perca nada! Clique aqui para receber notícias do mundo náutico no seu WhatsApp.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Brasília Boat Show transformará a capital do país no epicentro do mercado náutico

    Primeira edição do salão no Centro-Oeste acontece de 14 a 18 de agosto, nas águas do Lago Paranoá; garanta seu ingresso!

    NX Boats desembarca nos EUA com sua maior lancha, a NX 50 Invictus

    Modelo de 50 pés com hardtop estreou recentemente em águas norte-americanas; estaleiro descreveu momento como “histórico”

    Professor larga tudo para dar volta ao mundo em veleiro de 8 metros

    Pelas redes sociais, Luke Hartley compartilha suas aventuras a bordo de uma 27 pés de 1976

    Mestra Boats exibirá grandes sucessos de 29 a 35 pés no Brasília Boat Show

    Estaleiro disponibilizará aos visitantes do evento náutico a Mestra 352 HT, seu maior modelo, e outros dois barcos bem resolvidos; confira

    No século 17, maior navio do mundo foi construído no Brasil e batizou o Aeroporto do Galeão

    Embarcação de guerra foi construída a pedido da coroa portuguesa, que buscava recuperar terras perdidas para a Espanha