Regata do Amanhã reúne crianças e adolescentes na Semana de Vela de Ilhabela

Por: Redação -
25/07/2022
Foto: Edu Grigaits / Balaio de Ideias

A 3ª edição da Regata do Amanhã foi destaque nesta segunda-feira (25), na Semana de Vela de Ilhabela. A competição, uma das mais importantes da América do Sul, vai até o dia 30 de julho, com sede e realização do Yacht Club de Ilhabela e da Prefeitura Municipal de Ilhabela, e patrocínio da Mitsubishi Motors.

“O projeto foi formado com intuito de aproximar o velejador da Escola de Vela da classe Oceano. O menino está na Optmist, Dingue, Laser, mas a distância entre uma escola de vela para um barco de Oceano não é pelo tamanho, são mundos diferentes. A escola pega o menino da comunidade da cidade e ensina ele a velejar ao formato de barco monotipo. A Regata Vela do Amanhã é para apresentar o barco de Oceano, além de fazer um trabalho de integrar as escolas”, contou Cuca Sodré, diretor técnico da Semana Internacional de Vela de Ilhabela.

VEJA TAMBÉM:
>> Aproveite 15% de desconto nos ingressos do São Paulo Boat Show

Alunos 11 escolas de vela participaram

As crianças e adolescentes velejaram nos barcos junto aos velejadores olímpicos, campeões mundiais e os veleiros mais rápidos e tradicionais de Vela de Oceano neste segundo dia de regatas. Ao fim do dia, os primeiros colocados foram premiados em cerimônia no Yacht Club de Ilhabela.

Alunos de 11 escolas de oito cidades do litoral do Rio de Janeiro (Angra dos Reis e Paraty) e de São Paulo (Ilhabela, Praia Grande, Guarujá, Caraguatatuba, São Sebastião e Ubatuba) participaram da competição.

Maria Eduarda (14), de Ilhabela, foi uma das jovens a participar da Regata do Amanhã e descreveu sua experiência como uma das melhores experiências que já teve. “Foi uma coisa muito nova e muito legal, eu gostei bastante! Fez despertar mais interesse ainda em velejar”, disse Duda, que promete voltar para repetir a dose no próximo ano.

Foto: Acervo SIVI / Matias Capizzano

Ela velejou a bordo do Rudá, que levou para as águas de Ilhabela uma das tripulações femininas, sob comando de Daniela Sanchez, com Andrea Grael e Renata Bellotti, correspondente de NÁUTICA na Semana de Vela de Ilhabela.

Entre as participantes, estiveram Escola de Vela de Ilhabela, Escola de Vela São Sebastião, Escola de Vela Praia Grande, Escola de Vela de Ubatuba, Escola de Vela de Caraguatatuba – Velas ao Vento, Escola de Vela de Paraty, Escola de Vela de Ilha Grande, Escola de Vela de Angra dos Reis, Escola de Vela BL3, Iate Clube de Santos e Secretaria Municipal de Esportes e Lazer do Guarujá.

“A Vela do Amanhã é uma ação mais do que social,  pois visa pegar toda a garotada mais jovem, alguns em situação financeira bem precária, e aproveitar que estão em escolas de vela e dar o gostinho de participar em regata na Semana de Vela. Fizemos no ano passado e foi impressionante o efeito com a criançada. E também visamos a Vela propriamente dita, com o foco em tirar as crianças e adolescentes de situação de vulnerabilidade e colocar na modalidade”, disse Mauro Dottori, diretor de Vela do Yacht Club de Ilhabela, reforçando os objetivos do evento.

programação da competição consta no site do evento.

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Saiba como seu barco pode ajudar moradores do Rio Grande do Sul

    Grupo Náutica uniu forças com a CUFA para apoiar o estado atingido por enchentes; instituição busca pequenos barcos para o transporte de doações

    Sem deixar feridos, incêndio na Croácia atinge mais de 20 barcos

    Incidente ocorreu em marina na cidade de Medulin, no noroeste do país, no último dia 15

    Nova lancha da Azimut promete reduzir em até 40% as emissões de CO₂

    Batizada de Seadeck 6, embarcação foi apresentada em piscina no maior evento de design do mundo, na Itália

    EUA enviam ao Rio de Janeiro porta-aviões gigante de 333 metros; entenda

    USS George Washington atracou no Brasil como parte da operação Southern Seas, que visa incentivar a cooperação entre os países

    Em fase final de testes, Aquabus de Ilhabela transportaram 1,5 mil pessoas no fim de semana

    Novo sistema de transporte aquaviário contará com três catamarãs e capacidade para 60 pessoas em cada viagem; data de inauguração ainda não foi divulgada