Superiate construído por estaleiro Mengi Yay é luxuoso por dentro e por fora

Virtus XP tem 53 metros e foi construído no mesmo estaleiro que Aquarius, barco do filme "Glass Onion"

16/04/2023
Foto: Fraser Yachts / Divulgação

Em 2016 o público conheceu o Aquarius, embarcação de 148 pés do estaleiro turco Mengi Yay, que ficou mundialmente conhecido depois de estar no longa “Glass Onion: A Knives Out Mystery”, com Daniel Craig, Edward Norton, Janelle Monáe e companhia no elenco. Agora, a aposta do estaleiro é o superiate Virtus XP, de 172 pés, como seu novo sucesso.

Foto: Mengi-Yay / Divulgação

O modelo faz parte da série Virtus Explorer XP e é uma das mais recentes conquistas do estaleiro turco. O custo exato deste primeiro Virtus foi mantido em segredo, mas o segundo casco, já em disputa, está avaliado em US$ 31 milhões, aproximadamente R$ 159 milhões (valores convertidos em março de 2023).

Projetado para surpreender

VYD Studio e Paolo Dose se uniram para dar um toque italiano à embarcação, projetada pelos arquitetos navais da Van Oossanen, na Holanda. Sua silhueta alongada e elegante revela espaços amplos e generosos na embarcação.

Foto: Fraser Yachts / Divulgação

As janelas do superiate Virtus XP vão do chão até o teto, permitindo que quem passear a bordo do Virtus consiga apreciar de imediato a piscina e até mesmo o heliponto que o superiate contempla, também equipado com academia.

 

Falando em passeio, a embarcação tem capacidade para dez passageiros, conta com cinco camarotes e abriga uma tripulação de até nove pessoas.

Foto: Fraser Yachts / Divulgação

Na parte interna, ultramoderna, o salão principal passa a impressão de ser infinito, com sofás com formas orgânicas, lustre de luxo e área de jantar generosa. As janelas, além da vista, proporcionam muita luz natural para o ambiente.

Foto: Fraser Yachts / Divulgação

A suíte master apresenta formas que deixam o espaço com um aspecto maior. As janelas e portas oferecem acesso a um deck privativo com jacuzzi.

Foto: Fraser Yachts / Divulgação

A Mengi Yay iniciou seus trabalhos no mercado náutico com barcos a remo e de pesca. Em 1986, já se somavam 100 deles no repertório. Em poucos anos, o estaleiro mudou seu foco para iates à vela e a motor e, no início dos anos 90, começou a se concentrar em superiates, como o Virtus XP, com 172 pés.

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Primeiro catamarã a hidrogênio dos EUA está pronto para servir como balsa

    Guarda Costeira norte-americana autorizou o início do serviço, que transportará até 75 pedestres por vez pela Baía de São Francisco

    Governo do Rio de Janeiro reduz imposto para fabricantes de embarcações

    Vitória para o setor, incentivo fiscal para o setor náutico reduz de 27% para 7% a alíquota do ICMS para venda de barcos

    Teste Real 40 Cabriolet: lancha se destaca pelo conforto no cockpit, cabine e posto de comando

    Testada nas águas de Ilhabela, no litoral norte de São Paulo, modelo ainda chama atenção pela pilotagem a céu aberto

    Cruzeiro nudista pelo Caribe é aposta de empresa dos Estados Unidos; conheça

    Com previsão de lançamento em 2025, viagem sem roupa pelos mares custa a partir de R$ 10 mil, mas tem regras rígidas de convivência

    Robert Scheidt será o embaixador da 51ª Semana Internacional de Vela de Ilhabela

    Maior medalhista da história olímpica do Brasil estará no evento patrocinado pela Mitsubishi de 20 a 27 de julho