Primeira marina-hotel de Santa Catarina, VillaReal é um case de sucesso no setor náutico do país

Segundo Sílvia Fernandes, gestora dos hotéis Villa Real, o objetivo é incrementar o turismo náutico em São Francisco do Sul

10/10/2023

Primeira estrutura náutica com serviços de hotel (e vice-versa) em Santa Catarina, a marina-hotel VillaReal — construída estrategicamente em São Francisco do Sul, de frente para a Baía da Babitonga — foi apresentada como um dos maiores cases de sucesso no setor náutico do país durante o 8º Congresso Internacional Náutica — realizado paralelamente ao São Paulo Boat Show 2023.

Os convidados ficaram impressionados com a palestra de Silvia Fernandes, gestora dos hotéis VillaReal, do tradicional grupo J. Malucelli, e presidente da Associação Empresarial de São Francisco do Sul. Não é para menos.

Foto: Hotel VillaReal/Divulgação

Idealizada pelo empresário Joel Malucelli e por seu filho, Cristiano Malucelli, a marina hotel VillaReal alia uma completa estrutura náutica (incluindo posto de abastecimento próprio) aos serviços e confortos de um hotel quatro estrelas, incluindo restaurantes, loja de conveniência e a estrutura de lazer: piscinas, quadras de tênis, academia, salões de jogos, etc.

 

Mesmo antes de começar a operar, já se destacava com uma referência na Baía da Babitonga, em matéria de equipamentos e excelência de serviços.

 

 

“Tudo foi pensado e executado para que possamos receber os navegadores com segurança e qualidade, contribuindo com o desenvolvimento do turismo náutico na região, uma das mais bonitas de nosso litoral”, diz Silvia Fernandes.

Foto: Otto Aquino/Revista Náutica

Localizada em um lugar abrigado e muito seguro para deixar o barco, a marina oferece 23 vagas molhadas para embarcações de até 100 pés, sendo 12 vagas de 30 a 100 pés em um flutuante anexo ao píer (feito com fibra de basalto) e 11 vagas em poitas para até 70 pés, em sistema de locação de diárias ou mensalistas.

 

O projeto atende a diversas demandas por parte dos usuários de náutica na região, que passam a contar com água potável, energia elétrica, wi-fi, equipe treinada de apoio e segurança monitorada 24 horas, além de modernos píeres flutuantes, com estrutura de alumínio, como nas melhores marinas do mundo, instalados pela Metalu Brasil.

 

“No total são 1.080 m² de píeres, sendo sete píeres de 12 metros de comprimento por 3 metros de largura, que se conectam com o continente por meio de duas passarelas de 18 metros de comprimento por 1,20 metro de largura interna cada” explica Silvia Fernandes.

Foto: Otto Aquino/Revista Náutica

Mesmo quem não quiser pernoitar nos quartos do VillaReal (todos com vista para as águas da Baía da Babitonga) pode atracar na marina e desfrutar da estrutura do hotel com o pagamento da chamada hospedagem day use, que se inicia de manhã e se encerra no fim da tarde.

 

A jornada inclui uma experiência gastronômica no restaurante Convés, anexo ao hotel, com pratos tanto caiçaras (inspirados na própria Praia do Paulas, o bairro pesqueiro onde a VillaReal está instalada) quanto internacionais, com destaque para os frutos do mar.


Protegida das ondas, com boa profundidade e uma água tão clara que é difícil de acreditar, a Baía da Babitonga é um daqueles lugares dos sonhos para quem gosta de navegar. Tem uma área total de 160 km², quase toda navegável.

Faltava, porém, uma estrutura náutica que, além de uma marina completa e segura para guardar o barco, oferecesse também hospedagem e atividades sociais para atrair clientes e desenvolver o turismo náutico na região. Não falta mais.

Confira os temas do 8º Congresso Internacional Náutica

Eduardo Bekin: Case Porto Barão de Tefé, Antonina/PR

Roberto de Lucena: Desenvolvendo o Turismo Náutico no Estado de SP

Aguilar Junior: Novo molhe de Caraguatatuba

Carlos Henrique Sobral: Turismo Náutico Brasileiro

Alessandro Miranda: Turismo Náutico Águas Interiores

Vinicius Lummertz: Turismo das Águas

Adriano Silva: Turismo Náutico em Joinville

Silvia Fernandes: Case da Marina VillaReal

Rubens José Belão: Turismo Náutico no Interior Paulista

Paulo Fax: Hidrovia Tietê Paraná 2023

Noeli Thomé: Píer Turístico de Itapema

Michele Castilho: Bandeira Azul nas Marinas e Praias

Pedro Bório: Visão Internacional: Eventos em Turismo Náutico

Jamille Consulin: Legislação Ambiental

 

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Sea-Doo tem promoção exclusiva para você navegar de jet neste verão

    Com estoque limitado, modelo RXP-X Apex 300 tem R$ 20 mil de desconto em oferta especial

    Ao caminhar em praia da Flórida, mulher encontra dente de tubarão pré-histórico na areia

    Fóssil do megalodonte, maior tubarão que já existiu, teve idade estimada entre 2 e 24 milhões de anos

    Tesouro no mar! Garrafas de champanhe estão sendo levadas para as profundezas do oceano

    Qualidade de bebidas encontradas em naufrágio fez vinícolas apostarem na ideia de mergulhar rótulos premium

    Inovações em todas as áreas do setor náutico foram apresentadas durante o Marítimo Sul Brasil 23

    Evento aconteceu nos dias 29 e 30 de novembro, no auditório Milton Fett, da FIESC

    Barco com banheira de hidromassagem é nova forma de curtir o inverno avassalador de Chicago

    Ideia é que passageiros possam navegar mesmo durante os meses mais frios da cidade