Eduardo Souza Ramos é homenageado na Semana Internacional de Vela

Atleta olímpico teve regata com seu nome na competição que começou dia 23 e segue até dia 29

26/07/2023
Eduardo Souza Ramos, ex-velejador olímpico. Foto: Flávio Perez | On Board Sports / Divulgação

Aconteceu nesta terça (25) o segundo dia de regatas da 50ª edição da Semana Internacional de Vela de Ilhabela, com a realização da regata que leva o nome do atleta olímpico e um dos maiores incentivadores da modalidade no Brasil, Eduardo Souza Ramos.

O velejador se aposentou da modalidade ainda nesta temporada, aos 79 anos. Maior campeão da Semana de Vela com 11 conquistas, Eduardo esteve presente no evento e acompanhou de perto a disputa da regata que o homenageou.

Flotilha. Foto: Matias Capizzano / Divulgação

Agradeço a homenagem ser feita em vida, uma regata em meu nome. Minha última Semana de Vela foi no ano passado, com uma disputa acirrada com o Crioula – Eduardo Souza Ramos,  ex-velejador olímpico.

Responsável direto pelo desenvolvimento técnico e evolução da modalidade oceano na América do Sul, Eduardo foi porta-bandeira do Brasil nos Jogos Olímpicos de Los Angeles 1984, e acumula bons resultados em várias classes olímpicas e de oceano, como Star, Snipe, Hpe 25 e S40.

Phoenix. Foto: Matias Capizzano / Divulgação

Seu último projeto foi o Botin 44, batizado de Phoenix, considerado um dos mais modernos veleiros de performance da vela oceânica, atualmente comandado por Fábio Cotrim e Mauro Dottori, além de atletas olímpicos como Jorge Zarif e André Fonseca Bochecha na equipe.

Nessas 50 edições, uma das que mais me marcou foi a primeira, quando corri de Snipe e, claro, a última, em 2022. Para as próximas regatas espero que o número de barcos aumente e que com eles venham novos veleiros de ponta – Eduardo Souza Ramos, ex-velejador olímpico.

O também atleta olímpico Jorge Zarif, que participa da Semana de Vela a bordo do Phoenix, reconhece a importância de Eduardo para o esporte. Para ele, “Eduardo Souza Ramos ajudou de todas as formas possíveis, sendo velejador de oceano, olímpico e dirigente. É o maior incentivador da vela brasileira.”

Foto: Matias Capizzano / Divulgação

A Semana Internacional de Vela de Ilhabela tem o Crioula em primeiro lugar na classe ORC com 100% de aproveitamento em três provas. A tabela segue com Sandokan, da Argentina, Phoenix e Phytoervas, na sequência. As provas de terça-feira (25) foram de barla-sota, ou seja, entre boias.


Ilhabela: Capital da Vela é repleta de belezas naturais

Lindas praias, recortadas por vegetação abundante e um mar de verde intenso são alguns dos cenários de Ilhabela, um dos refúgios mais belos do litoral norte de São Paulo. A cidade abriga mais de 50 praias, metade delas ainda praticamente virgens, e cachoeiras abundantes.

 

A equipe de NÁUTICA preparou uma seleção especial de passeios por Ilhabela para quem for visitar a Capital da Vela durante a 50ª edição da competição. São, ao todo, mais de 20 dicas para curtir a ilha. Confira nosso roteiro completo por Ilhabela.

50ª Semana Internacional de Vela de Ilhabela

Para a edição de 2023 da Semana Internacional de Vela de Ilhabela, estão convidadas as classes HPE30, ORC, Clássicos, C30, BRA-RGS, Bico de Broa, Multicascos, HPE25 e VPRS. Os mais de 100 barcos esperados participarão de regatas em percursos variados ao longo da semana.

 

Além das competições, a Semana Internacional de Vela de Ilhabela também oferece uma série de atividades culturais e sociais dentro e fora do Yacht Club de Ilhabela, como shows, exposições e palestras.

 

A organização fará, ao longo da semana, regatas de acordo com as condições de mar e vento, podendo ser no Canal de São Sebastião ou nas raias mais ao norte e ao sul da ilha.

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Fluvimar mostrará sua linha de pontoons e barcos de pesca no Brasília Boat Show

    Estaleiro paranaense tem 30 anos de mercado e quase 13 mil barcos na água; salão acontece de 14 a 18 de agosto

    Maior barco da Fibrafort, lancha F420 Gran Coupé será destaque no Brasília Boat Show

    De 14 a 18 de agosto, público do evento náutico poderá conferir de perto os detalhes dessa e de outras duas embarcações do estaleiro

    Doutor Bruno: atleta olímpico dividiu rotina do kitesurf com medicina e mira ouro em Paris

    Entre plantões médicos e velejadas, Bruno Lobo superou lesões e falta de apoio para estrear nas Olimpíadas de 2024

    Fotos inéditas do Titanic prometem revelar detalhes nunca vistos dos destroços

    Expedição ao naufrágio conta com dois robôs ultra tecnológicos, que farão imagens e mapeamentos 3D no fundo do oceano

    Brasília Boat Show terá presença da NX Boats com lancha de luxo assinada pela Pininfarina

    Modelo estará nas águas do Lago Paranoá de 14 a 18 de agosto; ingressos para o salão já estão disponíveis