Mudanças climáticas estão afetando o tamanho das baleias-cinzentas; entenda

Em estudo, pesquisadores afirmam redução de 13% no comprimento do animal nos últimos 25 anos

20/06/2024
Foto: Ryan Harvey / Animalia / Reprodução

Que as mudanças climáticas têm afetado a vida no planeta Terra, não é novidade. Mas as consequências desse fenômeno estão ultrapassando questões como temperatura e qualidade do ar e chegando às características físicas dos animais. É o caso da baleia-cinzenta que, nos últimos 25 anos, teve uma redução de 13% em seu comprimento.

É o que afirma um estudo publicado na revista científica Global Change Biology, realizado por pesquisadores da Universidade Estadual do Oregon, nos Estados Unidos. De acordo com os especialistas, a diminuição no tamanho das baleias pode ter consequências tanto para a saúde, quanto para o sucesso reprodutivo dos indivíduos afetados.

Foto: Instituto de Mamíferos Marinhos/Universidade Estadual de Oregon / Divulgação

Encontrada no Oceano Pacífico, a baleia-cinzenta pode atingir até 13 metros de comprimento e costuma carregar por todo seu corpo uma camada de parasitas externos, que conferem a ela uma aparência de rocha. Atualmente, a espécie é considerada ameaçada de extinção, e os efeitos das mudanças climáticas em relação ao seu tamanho podem piorar ainda mais esse status.

 

Para chegar à conclusão do estudo, pesquisadores analisaram 200 baleias-cinzentas de um grupo da espécie no Oceano Pacífico Norte Ocidental — que conta com certa de 14,5 mil baleias. Esse subgrupo tem o acompanhamento do Instituto de Mamíferos Marinhos da universidade desde 2016.


A partir de imagens captadas via drone, os estudiosos conseguiram observar que uma baleia-cinzenta adulta nascida em 2020 deve atingir um tamanho corporal 1,65 metro menor do que uma nascida antes de 2000 — o que reflete a diminuição do animal em 13% no comprimento total.

 

Para se ter uma ideia, se essa mesma tendência fosse replicada em humanos, seria como se a altura média da mulher americana diminuísse de 1,62 metro para 1,42 metro ao longo de 20 anos.

Consequências das mudanças climáticas nas baleias-cinzentas

A diminuição no comprimento das baleias-cinzentas está longe de afetar somente a aparência física desse cetáceo. Na verdade, seu tamanho reduzido traz preocupações, principalmente, quanto a sua reprodução.

 

Isso porque, com um tamanho menor, as baleias podem não ter energia o suficiente para a reprodução. Já no caso dos filhotes, os bebês baleias-cinzentas podem desenvolver certa insegurança durante o processo de independência da mãe, trazendo desafios para sua sobrevivência no mar.

Falando em sobrevivência, o estudo sugere que a diminuição no tamanho corporal pode reduzir também as reservas de energia do animal, deixando a espécie menos resistente a ferimentos causados, por exemplo, por colisões com barcos e emaranhamentos com equipamentos de pesca.

 

Segundo os pesquisadores, além dos danos para a saúde da baleia e seu processo de reprodução, a diminuição “tem efeitos em cascata para os animais e para a comunidade da qual eles fazem parte”, conforme explica Enrico Pirotta, autor principal do estudo e pesquisador da Universidade de St. Andrews, na Escócia.

As baleias são consideradas sentinelas do ecossistema. Se elas não estão bem, isso pode dizer muito sobre o próprio ambiente– Kevin Bierlich, coautor do estudo

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Brasília Boat Show transformará a capital do país no epicentro do mercado náutico

    Primeira edição do salão no Centro-Oeste acontece de 14 a 18 de agosto, nas águas do Lago Paranoá; garanta seu ingresso!

    NX Boats desembarca nos EUA com sua maior lancha, a NX 50 Invictus

    Modelo de 50 pés com hardtop estreou recentemente em águas norte-americanas; estaleiro descreveu momento como “histórico”

    Professor larga tudo para dar volta ao mundo em veleiro de 8 metros

    Pelas redes sociais, Luke Hartley compartilha suas aventuras a bordo de uma 27 pés de 1976

    Mestra Boats exibirá grandes sucessos de 29 a 35 pés no Brasília Boat Show

    Estaleiro disponibilizará aos visitantes do evento náutico a Mestra 352 HT, seu maior modelo, e outros dois barcos bem resolvidos; confira

    No século 17, maior navio do mundo foi construído no Brasil e batizou o Aeroporto do Galeão

    Embarcação de guerra foi construída a pedido da coroa portuguesa, que buscava recuperar terras perdidas para a Espanha