Som misterioso que perturba moradores da Flórida pode ser peixes acasalando; entenda

Borbulhas de amor? Ruído motivou até vaquinha online para investigar o caso

12/02/2024
Foto: National Aquarium/ Reprodução

Imagine o seguinte: você perde noites de sono, horas de teorias e gasta seu dinheiro para ajudar a descobrir o que raios é um barulho misterioso que parece vir das profundezas de sua vizinhança. E, então, descobre que, provavelmente, seja apenas o ruído de peixes, digamos, fazendo “borbulhas de amor”.

É exatamente o que está acontecendo em Tampa, no sul da Flórida. A diferença para a famosa canção é que neste caso dos Estados Unidos não são só os peixes que têm passado a noite em claro.

 

O problema é que um som de baixa frequência voltou a tirar a paz dos moradores durante as noites. Então, o cientista Dr. James Locascio apontou que, possivelmente, este barulho viria de peixes miraguaias se reproduzindo. Escute — se quiser — no vídeo abaixo.

 

É um som de baixa frequência e, portanto, eles viajam muito melhor e percorrem distâncias maiores, além de passarem por meios diferentes com mais eficiência– Dr James Locascio, para a FOX 13

No geral, os animais podem produzir sons de bateria de baixa frequência flexionando os músculos contra a bexiga natatória. E para colaborar com a teoria de Locascio, os peixes miraguaias costumam acasalar nas noites de inverno — justamente a estação do ano atual nos EUA.

 

Vale ressaltar que Dr. Locascio tem experiência em pesquisas anteriores sobre o assunto, conduzidas há quase 20 anos no sudoeste da Flórida. Segundo o cientista, o som do acasalamento viaja pelo solo, que pode explicar o motivo de tantas pessoas escutarem este som misterioso há mais de um quilômetro de distância.

Em busca do som misterioso

A teoria do Dr. Locascio ainda não foi confirmada, embora tenha muitos motivos para se acreditar nela. Entre os moradores, a perturbação é tamanha que Sara Healy, do sul de Tampa, está liderando alguns esforços para dar fim a este mistério, e ajuda James Locascio em sua pesquisa.

Sara está arrecadando dinheiro em um site de financiamento coletivo para apoiar a investigação do cientista. Com mais de US$ 2.600 arrecadados (quase R$ 13 mil, em conversão realizada em fevereiro de 2024), Locascio irá colocar microfones debaixo d’água na baía por dois meses e ver o que descobre.

Eu só quero a resposta para a comunidade, para mim e para todos os curiosos– Sara Healy

Esta é mais uma tentativa de dar fim as teorias que surgiram desde 2021, junto com esse som misterioso. Os residentes de Tampa já criaram os cenários mais diversos, que vão desde um barco de festa com um paredão de som invejável a algum experimento das Forças Armadas.

Foto: National Aquarium/ Reprodução

Mas, caso seja confirmado que o som misterioso realmente venha de noites calientes dos peixes, os moradores terão apenas uma opção: esperar até ao final da época de acasalamento e se acostumar com o barulho da animação do cardume.

Conheça o peixe miraguaia

Com nome científico de Pogonias cromis, o peixe miraguaia — também conhecido como corvina-preta ou Black Drum — tem certa popularidade entre os pescadores. Este animal pode medir mais de 1,5 metro de comprimento, pesar cerca de 50 kg e tem grandes escamas cinzentas ou pretas.

Foto: National Aquarium/ Reprodução

Além disso, possui grandes barbilhões, que se projetam de suas mandíbulas inferiores. Os miraguaias se alimentam de peixes menores, mariscos, caranguejos, camarões, mexilhões e vários invertebrados, tudo isso graças aos seus dentes. Normalmente, esta espécie vive em lagoas, foz de rios, baías e também no mar.

 

Por Áleff Willian, sob supervisão da jornalista Denise de Almeida

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Memória Náutica: relembre como foi o Rio Boat Show 99

    Evento se destacou por trazer inovações que foram além dos barcos para 51 mil visitantes

    Rio Boat Show 2024 será palco para estreia da Schaefer V44 em águas brasileiras

    Lançamento walk around da Schaefer Yachts estará nas águas da Marina da Glória, de 28 de abril a 5 de maio

    Megaiate apreendido vira "batata-quente" para os Estados Unidos; entenda o caso

    Governo norte-americano quer vender embarcação e alega não ter condições de pagar manutenção

    Reveladas imagens inéditas de navio que afundou com seu capitão há 84 anos

    O graneleiro Arlington foi encontrado nos EUA e traz, além de imagens, a história do capitão que não quis se salvar

    Novo estudo mostra que baleia-azul está acasalando com baleias-comuns mais do que deveria; entenda

    Número até então desconhecido de animais com DNA híbrido colocou pesquisadores em alerta