Principal evento de navios de cruzeiros do mundo foca no entretenimento a bordo em 2024

Cruise Ship Interiors dedica espaço a atrações de diversão que vão desde o boliche até montanhas-russas

07/06/2024
Foto: Walltopia / Divulgação

Enquanto no Brasil o Boat Show encabeça os principais eventos náuticos do país, nos Estados Unidos, o Cruise Ship Interiors (CSI) apresenta as novidades do setor voltadas ao interior dos navios de cruzeiro. Neste ano, o evento trouxe uma novidade: uma exposição voltada às atrações de entretenimento a bordo dos gigantes do mar, responsáveis por atrair turistas a cruzeiros diferentões, cheios de diversão e até adrenalina.

Principal exposição do mundo dedicada à indústria de navios de cruzeiro, o CSI acontece nos dias 6 e 7 de junho, em Miami Beach, nos EUA. Por lá, uma nova área ganhou vida em 2024: a Attractions & Entertainment Technology Zone (Zona de Tecnologia de Atrações e Entretenimento, em português), apresentando as principais inovações do setor quando o assunto é entretenimento a bordo.

Foto: Instagram @royalcaribbean / Divulgação

Cada vez mais as embarcações de cruzeiro têm levado para o meio do oceano atrações populares em terra firme, visando entreter seus passageiros enquanto o navio cruza o mar. Não é difícil se deparar com esses gigantes carregando desde parques aquáticos até montanhas-russas. A novidade do CSI, contudo, promete mostrar que dá para fazer muito mais — mesmo sobre as águas.

Foto: CSI / Divulgação

Entre os expositores estão marcas voltadas a atividades como boliche, experiências com realidade virtual, carrinhos de bate-bate, montanhas-russas, iluminação futurística, áreas de recreação infantil e paredes de escalada nas alturas. Esse último, da Walltopia, empresa responsável por equipar o Icon of the Seas, da Royal Caribbean — tido como o maior navio de cruzeiro do mundo — com um “brinquedo” semelhante.

Os novos navios de cruzeiro também representam a próxima fronteira em termos de atrações e tecnologia de entretenimento– destaca a CSI


O Icon of the Seas é, aliás, uma grande referência em navios de cruzeiro quando o tema é diversão a bordo. O modelo conta com um parque aquático considerado o maior do planeta em embarcações, com seis tobogãs e direito até ao primeiro toboágua aberto em queda livre num barco desse tipo.

Foto: Royal Caribbean / Divulgação

Há ainda uma trilha suspensa a 48 metros de altura, escalada vertical e um simulador de surf de 12 metros de comprimento.

Foto: Royal Caribbean / Divulgação

Além do Attractions & Entertainment Technology Zone, a CSI conta com especialistas líderes em design de interiores de navios de cruzeiro e hotéis, debatendo tópicos como a experiência do visitante, tendências futuras, tecnologias de IA e experiências imersivas.

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Peixe-lua encontrado em praia dos EUA pode ser o maior já registrado na história

    Espécie rara de 2,2 metros foi encontrada já sem vida na cidade de Gearhart, no estado de Oregon

    Linda e precária: ilha no Caribe Colombiano é a mais densamente povoada do mundo

    Com 10 mil m² de área, Santa Cruz del Islote tem apenas 825 habitantes e sofre com turismo predatório

    Ilhabela deve ganhar 1ª usina de dessalinização de água de São Paulo em 2026

    Projeto prevê aumento de 22% no volume de água tratada no município, atendendo mais de 8 mil pessoas

    Descanso sobre as águas: hospedagem em barcos atracados é opção de lazer no litoral brasileiro

    Ideia dispensa a necessidade de carteira náutica e traz valores acessíveis para uma experiência pra lá de diferente

    Falkirk Wheel: conheça o elevador gigante para barcos que virou ponto turístico

    Construção na Escócia foi feita para driblar desnivelamento maior que um prédio de dez andares