Conheça o megaiate que Bill Gates colocou à venda antes mesmo de ficar pronto

Veja detalhes do modelo da Feadship movido a hidrogênio, que bilionário encomendou em 2019

28/06/2024
Foto: Feadship / Divulgação

Desfrutando de um luxo que nem todos podem ter, Bill Gates não só encomendou um megaiate da Feadship, como o colocou à venda antes mesmo que a embarcação pudesse passar por suas mãos. A decisão, contudo, fez com que o estaleiro revelasse detalhes anteriormente mantidos em segredo sobre o barco.

Até maio deste ano, o então Projeto 821 era tido como o maior e mais secreto projeto do estaleiro holandês. Foi apresentado, inclusive, como o primeiro megaiate com célula de combustível de hidrogênio do mundo — um grande passo para a Feadship, que busca se tornar neutra para o clima até 2030.

Foto: Feadship / Divulgação

A construção do barco de 119 metros movido a hidrogênio se deu devido a um pedido do próprio Bill Gates, ex-diretor executivo da Microsoft, em 2019. Agora, em 2024, pouco antes do megaiate ser finalmente entregue, o 9º homem mais rico do mundo decidiu colocar a embarcação à venda.

Foto: Feadship / Divulgação

A decisão pode parecer trágica, mas, para os amantes de embarcações de luxo, foi até boa. Isso porque, assim, a Feadship decidiu revelar detalhes do até então megaiate de Bill Gates, que eram mantidos em segredo. O primeiro passo, inclusive, foi rebatizar o megaiate que, de Projeto 821, virou o Breakthrough.

Conheça o Breakthrough, ex megaiate de Bill Gates

Como já mencionado, o megaiate Breakthrough possui nada menos que 119 metros de comprimento. Todo esse espaço, claro, é preenchido com todas as comodidades de luxo que uma embarcação desse tipo costuma ter. Mas, nesse caso, algumas fogem “do costume”.

Foto: Feadship / Divulgação

Por exemplo, o megaiate possui em suas dependências um hospital, um “lounge Nemo” (área projetada para relaxamento e socialização dos passageiros) e passarelas privativas, que buscam conferir ao proprietário um momento de privacidade, uma vez que a embarcação comporta 74 pessoas — 30 convidados e 44 tripulantes.

Foto: Feadship / Divulgação

Outra grande revelação da Feadship foi quanto à velocidade do (ex) megaiate de Bill Gates, que pode atingir até 17 nós (31,5 km/h), com um alcance de 6.500 milhas náuticas (12.038 km) em velocidade de cruzeiro. Apesar de ser movido a hidrogênio, essas distâncias não serão percorridas apenas com o elemento, já que não há espaço suficiente a bordo para armazená-lo.


Contudo, o Breakthrough foi projetado para ser capaz de operar funções semelhantes a de um “hotel fundeado” com hidrogênio por uma semana inteira — ou navegar a 10 nós (11,5 mph/18,5 km/h) com ele.

Foto: Feadship / Divulgação

A propulsão do megaiate é simplesmente composta por propulsores azimutais ABB duplos, de 3.200 kW, emparelhados com dois geradores MTU de 900 kW, três geradores MTU de 2.500 kW e dezesseis geradores PowerCell H2 de 185 kW.

 

Quando os MTUs entram em ação, funcionam com óleo vegetal hidrotratado (HVO), com base em um sistema que a Feadship desenvolveu e aperfeiçoou para o superiate Obsidian, entregue em 2023.

 

O Breakthrough foi listado por nada menos que 600 milhões de euros (cerca de R$ 3,6 bilhões, em conversão realizada em junho de 2024).

Wayfinder. Foto: Edmiston Yachts / Divulgação

A título de curiosidade, Bill Gates também está vendendo o Wayfinder, um catamarã de 68,2 metros do estaleiro espanhol Astilleros Armon, por módicos 55 milhões de euros (aproximadamente R$ 327,5 milhões).

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Homem recupera Apple Watch que estava perdido no mar do Caribe há mais de um ano

    Aparelho foi encontrado ainda funcionando graças à ferramenta de localização do dispositivo

    Fluvimar mostrará sua linha de pontoons e barcos de pesca no Brasília Boat Show

    Estaleiro paranaense tem 30 anos de mercado e quase 13 mil barcos na água; salão acontece de 14 a 18 de agosto

    Maior barco da Fibrafort, lancha F420 Gran Coupé será destaque no Brasília Boat Show

    De 14 a 18 de agosto, público do evento náutico poderá conferir de perto os detalhes dessa e de outras duas embarcações do estaleiro

    Doutor Bruno: atleta olímpico dividiu rotina do kitesurf com medicina e mira ouro em Paris

    Entre plantões médicos e velejadas, Bruno Lobo superou lesões e falta de apoio para estrear nas Olimpíadas de 2024

    Fotos inéditas do Titanic prometem revelar detalhes nunca vistos dos destroços

    Expedição ao naufrágio conta com dois robôs ultra tecnológicos, que farão imagens e mapeamentos 3D no fundo do oceano