Descanso sobre as águas: hospedagem em barcos atracados é opção de lazer no litoral brasileiro

Ideia dispensa a necessidade de carteira náutica e traz valores acessíveis para uma experiência pra lá de diferente

14/06/2024

Passar um período — mesmo que curto — longe do estresse do dia a dia é essencial para acalmar a mente e reajustar o leme antes de voltar à rotina. Recentemente, estudos mostraram que observar paisagens com água, inclusive, reduz a frequência cardíaca. Por que não, então, aproveitar essa deixa para curtir um final de semana a bordo? Só que, como diferencial, em um barco atracado.

Uma nova forma de se hospedar parece estar ganhando força no litoral brasileiro: ficar atracado sobre as águas. A ideia, que tem atraído quem busca uma experiência diferente de lazer, ganha força pelo valor mais baixo do que se imagina e por dispensar a necessidade da carteira de habilitação náutica — uma vez que o barco não sai do lugar.

O relato da jovem Marianne Fernandes virou um vídeo que fez sucesso no TikTok e atraiu curiosos. Ela alugou um barco e passou um final de semana sozinha, atracada em Paraty, no Rio de Janeiro. “A experiência que mudou a minha vida”, destacou ela.

 

A vivência de Marianne se tornou ainda mais especial pelo fato da jovem estar cercada por uma das paisagens mais bonitas do país, que ainda traz dezenas de pontos turísticos e culturais. E a boa notícia é: essa experiência pode se estender por outros pontos do belíssimo litoral brasileiro, de maneira fácil — e até econômica.

Ideal para estadias curtas, o aluguel de embarcações para esse tipo de vivência é feito, geralmente, através de plataformas digitais de hospedagens, como o Airbnb. Por lá, não é difícil encontrar opções de lanchas, trawlers, veleiros e até iates por lugares do Brasil todo, de Norte a Sul, como Rio de Janeiro, São Paulo, Pará e até Manaus.

Os valores variam conforme a escolha da embarcação, localidade, quantidade de pessoas e o tempo de estadia. Mas, para se ter uma ideia, a equipe de NÁUTICA encontrou uma opção em que as diárias a bordo de um veleiro, com possibilidade de pernoite para sete hóspedes, saíam por R$ 260 (valor sem taxas).

Como é, na prática, ficar hospedado em um barco atracado

Cada estadia em barcos atracados tem suas particularidades, tendo em vista que cada proprietário tem o seu modo de alugar a embarcação. De forma geral, próximo ao barco do hóspede fica atracada também outra embarcação, onde o responsável pelo barco alugado faz o pernoite — e fica à disposição para atuar em casos de emergência.

O caminho até terra firme também varia, e pode ser feito a nado, de bote, remo e até táxi boat (por um valor à parte). Alguns podem considerar que essa parte traga “perrengues”, mas a ideia principal é, justamente, apreciar uma experiência que chegue o mais perto possível da realidade de se viver em um barco.

 

As embarcações — principalmente os veleiros — costumam trazer uma estrutura completa, com quartos, banheiro, cozinha e áreas de lazer, como varanda e solário. Alguns anfitriões ainda preparam opções de entretenimento, como stand-up paddle e equipamentos de mergulho, além de jogos de tabuleiro e cartas para passar o tempo, principalmente à noite.

Há também proprietários que fornecem passeios no barco alugado, para que os hóspedes possam conhecer novos lugares da região, atracando a embarcação em pontos turísticos acessados somente via barco, por exemplo. Geralmente, esse tipo de serviço é cobrado à parte.


Um ponto importante é que alguns barcos ficam disponíveis ao hóspede somente durante a noite, para pernoitar, uma vez que a embarcação pode vir a ser usada durante o dia levando outras pessoas para passeios no mar. Nesse caso, o intuito é que o hóspede passe o dia turistando na cidade, e o barco seja apenas um lugar para dormir. Vale conferir essa informação antes de fechar a viagem.

 

Para quem tem habilitação náutica e quer usar a embarcação também para navegar, a melhor opção é procurar por outro tipo de serviço, para aproveitar o barco de forma integral.

 

Náutica Responde

Faça uma pergunta para a Náutica

    Relacionadas

    Brasília Boat Show transformará a capital do país no epicentro do mercado náutico

    Primeira edição do salão no Centro-Oeste acontece de 14 a 18 de agosto, nas águas do Lago Paranoá; garanta seu ingresso!

    NX Boats desembarca nos EUA com sua maior lancha, a NX 50 Invictus

    Modelo de 50 pés com hardtop estreou recentemente em águas norte-americanas; estaleiro descreveu momento como “histórico”

    Professor larga tudo para dar volta ao mundo em veleiro de 8 metros

    Pelas redes sociais, Luke Hartley compartilha suas aventuras a bordo de uma 27 pés de 1976

    Mestra Boats exibirá grandes sucessos de 29 a 35 pés no Brasília Boat Show

    Estaleiro disponibilizará aos visitantes do evento náutico a Mestra 352 HT, seu maior modelo, e outros dois barcos bem resolvidos; confira

    No século 17, maior navio do mundo foi construído no Brasil e batizou o Aeroporto do Galeão

    Embarcação de guerra foi construída a pedido da coroa portuguesa, que buscava recuperar terras perdidas para a Espanha